Publicidade
Patrocínios, valor do prêmio e interação dos Millenials: o que marcou o BBB 24?
15 de Abril de 2024

Patrocínios, valor do prêmio e interação dos Millenials: o que marcou o BBB 24?

Participantes conseguem alcançar grande contratos de publicidade depois que saem da casa

Publicidade

Por João Finamor, professor de Marketing Digital da ESPM

 

Publicidade

O maior reality show do país está chegando ao fim e é possível fazer um balanço geral do que marcou o Big Brother Brasil 24. Primeiramente, o programa que começou com 15 marcas patrocinadoras, agora conta com 30 e um faturamento perto de 1 milhão de reais. Isso mostra como a TV e o streaming podem atrair e fortalecer empresas que procuram mais visibilidade para a marca.

Além disso, João Finamor, professor de Marketing Digital da ESPM, conta que essa edição teve uma característica interessante: a Geração Z e Alfa não tiveram tanto envolvimento com o programa, e as Gerações Millenials e Baby Boomers migraram para o mundo digital, deixando seus comentários sobre o reality nas redes sociais. “Esse grupo geracional (Millenials e Baby Boomers) acabou abraçando alguns participantes que os outros demais criticam. Então foi possível ver uma reflexão da imigração digital inclusive no Big Brother”, afirma o professor da ESPM.

Por fim, um outro ponto destacado pelo professor de Marketing Digital da ESPM foi que o valor do prêmio, agora de 3 milhões de reais, tem sido criticado pelo público há algumas edições, uma vez que os participantes conseguem alcançar este valor com publicidade depois que saem da casa. “Fica a questão do que vale mais a pena: se entregar no jogo e conseguir o prêmio, ou só estar presente no programa e sair”, afirma.

 

Publicidade
Publicidade