Publicidade
Purina enfatiza o protagonismo dos pets na recuperação de crianças e pessoas com deficiência
09 de Maio de 2024

Purina enfatiza o protagonismo dos pets na recuperação de crianças e pessoas com deficiência

Juntos é Melhor é o nome dessa ação da Purina

Publicidade

Como forma de ampliar a colaboração com o Centro de Reabilitação “Gaby Brimmer” e o Hospital Pediátrico San Juan de Aragón DIF, a ação da Purina enfatiza a importância de cães em terapias.

“Juntos Es Mejor” (“Juntos é Melhor”, na tradução literal) acontece em “colaboração com o Centro de Atividades Assistidas Caninas AC (CENATAC), este programa continua o seu trabalho de apoio a crianças em situação de vulnerabilidade, pessoas com deficiência e idosos com Alzheimer através de terapias com cães”, explica o site Merca20.

Publicidade

A marca “dispõem de um programa estruturado de bem-estar animal, que inclui a submissão periódica a exames veterinários e desparasitações internas e externas para oferecer a melhor garantia de saúde. A avaliação do cão é realizada individualmente e não por raça, porém, um dos principais cuidados é a sua alimentação, pois necessita de uma alimentação balanceada para manter sua saúde de forma adequada e realizar suas atividades da melhor forma”, explica o site oficial da ação da Purina.

 

Além da ação da Purina, a marca amplia o seu programa de voluntariado 

Aproveitando o lançamento da ação da Purina, a marca também anunciou o programa “Guau”, que é uma campanha que incentiva o voluntariado, no México.

Os donos de cães que querem fazer parte deverão participar “do treinamento e socialização de filhotes durante um ano”, explicou o Merca20. Ao “completarem a sua formação, tornam-se cães de terapia” que possuem capacidade de participar da ação “Juntos é Melhor”.

 

Ação da Purina enfatiza o auxílio da empresa em ajudar na recuperação de crianças e pessoas com deficiência

 

“Aprenda sobre o impacto positivo das intervenções assistidas por cães”, diz a descrição do vídeo da ação da Purina.

 

 

“Não importa a raça, qualquer cão pode ser treinado para auxiliar nesse tipo de terapia, mas deve ser avaliado previamente. É muito importante esclarecer que um cão de assistência não é a mesma coisa que um cão de companhia, o temperamento do cão precisa ser dócil, sociável e tolerar diversos tipos de ruídos e sons, por isso a avaliação é importante”, explica o site oficial da ação da Purina.

 

 

Entre as principais atividades que os cães, que fazem parte da ação da Purina, realizam estão simples “atitudes” como, por exemplo, acariciar e abraçar oferecem ao usuário a agradável sensação de contato; o paciente pode passear com os cães (uma forma de estimular a mobilidade e como atividade que proporciona controle da situação); treinar o cão para fazer alguma coisa; jogar um brinquedo para o cachorro buscar; atividades de expressão e ainda aprender coisas novas promove confiança e autoestima.

Foto: Unsplash

Publicidade
Publicidade