Publicidade
Acate firma parceria com o hub de inovação canadense The Accelerator Centre
27 de Junho de 2022

Acate firma parceria com o hub de inovação canadense The Accelerator Centre

Iniciativa visa abrir portas para empresas que desenvolvem produtos e serviços inovadores em escala global

Publicidade
Twitter Whatsapp Facebook

A Acate – Associação Catarinense de Tecnologia – acaba de firmar uma parceria inédita com o The Accelerator Centre of Waterloo, hub canadense de inovação em Waterloo.

O acordo foi anunciado durante a Collision Conference, uma das maiores e mais prestigiadas feiras de inovação, tecnologia e empreendedorismo das Américas, que ocorreu entre os dias 20 e 23 de junho no país norte-americano. A partir do anúncio da parceria, associados da Acate terão espaços para trabalhar em Waterloo.

Publicidade

A aceleradora canadense figura no ranking entre as melhores do mundo, segundo o “The UBI Global World Rankings of Business Incubators and Accelerators”, e facilita o networking entre associados, abrindo portas para possíveis investimentos. As empresas interessadas deverão preencher um formulário com as datas que pretendem utilizar os espaços disponíveis. Empresas associadas da Acate contam com três mesas gratuitas e 40% de desconto em mesas extras.

“Além da parceria entre os hubs, estamos organizando uma missão para o Canadá, provavelmente em novembro. Estamos confiantes que a conexão entre os ecossistemas das duas regiões renderá excelentes oportunidades, já que ambas possuem ambientes inovadores, criando produtos e serviços em escala global, auxiliando e alavancando negócios”, afirma o vice-presidente de internacionalização da ACATE, Henrique Bilbao. Para Marcelo Tavares, responsável pela atração de investimento do Global Affairs Canadá no Brasil no consulado canadense em São Paulo, “essa é uma excelente parceria entre os dois hubs”.

Crescimento do ecossistema

Segundo a Cônsul do Canadá em São Paulo, Dra Heather Cameron, a iniciativa é um avanço no crescimento do ecossistema. “Um projeto pioneiro, já que se trata do primeiro hub de inovação brasileiro a se estabelecer no Canadá, a decisão da Acate de abrir um escritório e firmar essa parceria com o The Accelerator Centre em Waterloo são incríveis avanços no crescimento do dinâmico ecossistema de inovação Brasil-Canadá. Muito contente que o Programa Discovery: Canadá ajudará empresas do Estado de Santa Catarina a conhecerem mais sobre os ecossistemas de tecnologia inovadores, colaborativos e amigáveis que existem no Canadá. Espero que novas relações de comércio e investimento surjam dessa parceria de excelência”, destaca.

“Estamos confiantes em trabalhar com a equipe Acate para fornecer aos fundadores brasileiros acesso ao nosso hub de inovação e comunidade de empreendedores”, diz Jay Krishnan, CEO do Accelerator Center. “Estamos felizes por esta parceria, permitindo que fundadores de todo o mundo tenham um impacto global com seus negócios”.

Movimento integrado

Com objetivo de fortalecer o ecossistema, a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina – Fapesc apoia esse tipo de conexão. “A iniciativa da Acate vem ao encontro do movimento que a Fapesc e Governo do Estado estão fazendo em Santa Catarina pela retomada das conexões internacionais e geração de novos negócios com as empresas apoiadas em nossos programas de fomento e articulação das pesquisas a partir das Universidades e Centros de Inovação da rede estadual. A Fapesc é apoiadora desta iniciativa e firma compromisso para auxiliar movimentos como este. O Canadá possui um ecossistema maduro assim como Santa Catarina e podemos gerar essa aproximação com uma relação que seja boa para todos. Já iniciamos as conversas com o Consulado do Canadá para auxiliar na assinatura de uma relação de apoio recíproco na área de CTI, o que ampliará as oportunidades”, afirma Fábio Zabot Holthausen, presidente da Fapesc.

O programa Go To Market, do Sebrae, representado por Filipe Gallotti, também é parceiro da iniciativa, ajudando a fomentar a vertical de internacionalização da Acate. Já no Canadá, a EDC de Waterloo, serviço gratuito de concierge para negócios em expansão no país, representado por Catharine Gerhard, também ajudará na construção desse projeto.

Foto: Da esquerda para a direita: Marcelo Tavares, Senior Investment Officer do Governo do Canadá em São Paulo; Henrique Bilbao, vice-presidente de internacionalização da ACATE; Jay Krishnan, CEO da Accelerator Centre of Waterloo; Marc Pepin, agente de comércio do governo do Canadá; Fábio Zabot Holthausen, presidente da Fapesc; May Siksik, responsável pelo desenvolvimento de negócios no The Quantum Algorithms Institute; Jean-Bennolt Leblanc, diretor da Divisão de Serviços de Investimentos do governo do Canadá e Cameron Branston, gerente de desenvolvimento de mercado no EDC Waterloo.

 

Publicidade
Publicidade