Publicidade
Adoção da Inteligência Artificial é a principal tendência para o varejo em 2024
15 de Fevereiro de 2024

Adoção da Inteligência Artificial é a principal tendência para o varejo em 2024

Adoção da IA, evolução da experiência do cliente e capacitação dos colaboradores estão entre as principais tendências para o varejo

Publicidade
Twitter Whatsapp Facebook

*Por Vanderlei Ferreira, presidente da Zebra Technologies no Brasil

O atual cenário de interconexão global evidencia a resiliência e agilidade necessárias para enfrentar os desafios do setor de varejo.

Publicidade

A pandemia impulsionou uma transformação significativa, levando os varejistas a adotar estratégias que priorizam a resiliência operacional e a adaptação às demandas em constante evolução.

A integração de novas tecnologias tornou-se um pilar fundamental para aprimorar a eficiência operacional e expandir as plataformas de comércio eletrônico. De acordo com o 16º Estudo Global do Consumidor da Zebra, a adoção de tecnologias como computadores móveis portáteis, scanners, RFID e software de gerenciamento de tarefas e pessoal está ganhando força, refletindo a crescente demanda por avanços tecnológicos por parte dos consumidores.

A satisfação dos consumidores em relação à experiência nas lojas físicas aumentou, mas as expectativas também estão em ascensão. A fusão fluida entre as compras em lojas físicas e online é uma demanda crescente, o que implica desafios e oportunidades para os varejistas.

Diante desse contexto, as previsões de transformação para o setor varejista em 2024 apontam para algumas tendências-chave:

Otimização do inventário e prevenção de perdas

A disponibilidade e visibilidade dos produtos tornaram-se mais importantes para os consumidores, o que gera a necessidade de um gerenciamento de estoque mais eficiente. A prevenção de perdas assume um papel central, exigindo uma visão holística do estoque em múltiplas dimensões, envolvendo não só a quantidade e a disponibilidade dos produtos, mas também a localização, sazonalidade, demanda prevista, entre outros.

Experiência de compra unificada e perfeita em todos os canais

A integração de pontos de contato digitais e físicos, aliada ao uso de inteligência artificial generativa, está moldando uma experiência de compra mais fluida e personalizada. Este ano, os varejistas devem usar ferramentas que integrem perfeitamente os pontos de contato digitais e físicos, além de avaliar a inteligência artificial generativa para criar novos dados e para manter a qualidade e atualização dos dados existentes em diferentes situações e ambientes. Além disso, a evolução do ponto de venda (PDV) está transformando a experiência do cliente, indo além do simples ato de compra. Não se trata apenas de onde as pessoas compram produtos, mas também de toda a experiência que elas têm ao fazer compras.

Capacitação dos trabalhadores e uso de tecnologia para aprimorar as experiências do cliente

A automação centrada no ser humano está ganhando destaque, permitindo que os funcionários se concentrem em tarefas de maior valor, como orientação e atendimento aos clientes. Simplificar o gerenciamento dos colaboradores e a comunicação irá melhorar a eficiência geral.

Elevação das experiências na loja

A crescente aceitação de tecnologias de pagamento móvel sem contato e autoatendimento destaca a necessidade de investir na experiência na loja, tornando-a rápida, eficiente e personalizada. A implementação de novas tecnologias deve atender suas expectativas em constante evolução dos consumidores em relação à conveniência, eficiência e personalização durante o processo de compra. Ainda, essas soluções devem melhorar o trabalho dos funcionários da linha de frente e levar em consideração o aumento a eficiência, capacitar e dar suporte, e melhorar a comunicação e colaboração entre as equipes.

Apesar dos desafios enfrentados, o setor varejista tem diante de si uma oportunidade única para navegar com sucesso pela transformação digital e pela evolução das preferências dos consumidores. Ao implementar estratégias que se alinhem a essas tendências, eles estarão mais bem preparados para atender às demandas em constante evolução dos consumidores e de superar os desafios do mercado atual.

Imagem: Pexels

Publicidade