Coluna Cinema | Filmes sobre Esporte

23 de Julho de 2021

Superando limites!

Hoje começa o maior evento esportivo do mundo, as Olimpíadas, objetivo de muitos atletas para a consagração na carreira e visibilidade para o mundo. E para entrarmos  no clima escolhi filmes de esportes para coluna da semana. Os esportes têm ganhado destaque no cinema por meio de histórias de muita superação, desafios e sofrimento. A emoção é a principal característica dos roteiros abaixo sugeridos, pode apostar que você vai sentir o que o personagem está sentindo. Mais do que um filme são lições de vida, de como conquistar o sonho e atravessar obstáculos com determinação.

Confira:

Eu, Tonya: Desde muito pequena exibindo talento para patinação artística no gelo, Tonya Harding (Margot Robbie) cresce se destacando no esporte e aguentando maus-tratos e humilhações por parte da agressiva mãe (Allison Janney). Entre altos e baixos na carreira e idas e vindas num relacionamento abusivo com Jeff Gillooly (Sebastian Stan), a atleta acaba envolvida num plano bizarro durante a preparação para os Jogos Olímpicos de Inverno de 1994. Baseado em fatos reais. Ano 2018.

 

 

Nós Somos os Campeões: O advogado Gordon Bombay (Emilio Estevez) é obrigado a prestar serviços comunitários por dirigir bêbado e outras infrações no trânsito. Assim, ele aceita conduzir o pior time de hóquei no gelo da cidade, cujos jogadores são os mais rebeldes possíveis. Gordon então, terá que superar seu temperamento e o má comportamento da equipe para transformá-los em campeões. Ano 1993.

 

O Caminho de Volta: Jack (Ben Affleck) é técnico de um time de basquete em um colégio de ensino médio que anteriormente foi atleta do mesmo esporte. Por conta de vícios, sua carreira promissora como jogador foi tragicamente ao fim, assim como seu relacionamento com sua esposa e a fundação de sua família. Ao tornar-se treinador do time de escola, o ex-atleta tenta encontrar estímulos para seguir em frente e refazer sua vida. Ano 2020.

 

 

O Homem que Mudou o Jogo: Billy Beane (Brad Pitt), gerente geral do Oakland A's, um dia tem uma epifania: a sabedoria convencional do beisebol está totalmente errada. Diante de um orçamento apertado, Beane tenta reinventar seu time superando os clubes de bola mais ricos. Unindo forças com Peter Brand (Jonah Hill), graduado da Ivy League, Beane se prepara para desafiar as tradições da velha escola. Ele recruta jogadores de barganha que os olheiros rotularam como falhos, mas que têm potencial para vencer o jogo. Ano 2012.

 

 

Secretariat: A dona de casa e mãe Penny Chenery (Diane Lane) não entendia nada de corrida de cavalos, uma área dominada até então por homens. Mas ela assumiu o controle do estábulo de seu pai doente e, com a ajuda de um treinador veterano, contra todas as probabilidades negativas, consegue vencer o prêmio Tríplice Coroa, em 1973. Baseado em fatos reais. Ano 2010. 

 

Agora me conta lá nos comentários qual o seu filme sobre esporte favorito? Tem muitos outros que decidi escrever uma parte II sobre o tema.

Me acompanhe no PODCAST CINE GIRLS do Spotify, só clicar neste link

Envie um e-mail para cinema@acontecendoaqui.com.br ou comente nas minhas redes sociais @jessielodi sua sugestão de pauta. 

Até semana que vem.

Coluna Cinema

  • imagem de cinema
    COLUNA CINEMA é produzida e publicada semanalmente.pela publicitária Jessie Lodi. Jessie Lodi é formada em Comunicação Social - Publicidade e Propaganda pela FAG, especialista em Assessoria de Comunicação e Marketing e Gestão de Negócios. Possui experiência com produção de vídeos, produção de eventos, gestão de contas em agências de comunicação e marketing de associações. Atua no mercado paranaense e catarinense desde 2002 e é apaixonada por cinema. Curta o instagram @jessielodi Para comunicação com a coluna usar cinema@acontecendoaqui.com.br

Notícias Relacionadas