Publicidade
SP terá 4 mil ônibus com TV digital
18 de Maio de 2010

SP terá 4 mil ônibus com TV digital

Publicidade
Twitter Whatsapp Facebook

18/05/2010 –

Os aparelhos serão de LCD, com tela de 17 polegadas

Publicidade

O Grupo Bandeirantes e a Prefeitura de São Paulo fecharam um acordo que prevê a instalação de televisores nos ônibus do sistema municipal de transporte. Até o ano que vem, a previsão é de que 4 mil veículos já tenham recebido os equipamentos, que serão habilitados para receber sinal digital.

Na última quinta-feira (13), a Bandeirantes apresentou os equipamentos ao secretário municipal de Transportes, Alexandre Moraes. A instalação deve atender a uma demanda de 8 milhões de passageiros, que passam em média duas horas diárias dentro dos coletivos.

Serão instalados 2 mil monitores ainda neste ano. Os aparelhos serão de LCD, com tela de 17 polegadas e vão exibir uma programação especial em mil ônibus da cidade.

Uma nova tecnologia foi desenvolvida pela TV ??nibus (TVO). Com ela, os aparelhos poderão receber sinal ao vivo e exibir vídeos exclusivos para cada veículo.

Foram feitas pesquisas para se definir qual o conteúdo da programação, que será composta por notícias gerais, cultura, humor e cidadania.

A Globo também está nos ônibus

Desde agosto de 2009, a Rede Globo passou a exibir sua programação em 300 ônibus da cidade.

O acordo entre Bus Mídia e Globo previa que uma fatia do faturamento publicitária da empresa iria para a emissora. Segundo a tabela que a Bus Mídia seguia antes do contrato, cada espaço de 30 segundos, com veiculação em 250 ônibus, era comercializado por US$ 140 mil.

Para exibir ao vivo
A regulamentação para se exibir conteúdo ao vivo nos ônibus saiu também em agosto de 2009. A Prefeitura atendeu aos pedidos de Globo e Band, que queriam essa possibilidade.

De acordo com a portaria, cerca de 30% do conteúdo seria de campanhas institucionais e não poderia ser veiculado conteúdo erótico, religioso ou considerado ofensivo.

A Globo chegou a lançar um programa diário antes da regulamentação, mas teve a exibição interrompida por que o material tinha de ser aprovado pelos técnicos da SPTrans com antecedência. Com a nova regulamentação, os técnicos passaram fiscalizar o conteúdo por meio de links na internet fornecidos pelas empresas de mídia.

Fonte Adnews

Publicidade
Publicidade