Publicidade
Anúncios em sites de editores premium são 3 vezes mais eficazes para impulsionar marcas favoravelmente
16 de Julho de 2016

Anúncios em sites de editores premium são 3 vezes mais eficazes para impulsionar marcas favoravelmente

Twitter Whatsapp Facebook

A veiculação de anúncios nos sites dos editores premium é três vezes mais eficaz do que o resultado obtido em sites comuns, ajudando a reforçar a preferência pela marca tornando os usuários mais propensos a recomendar produtos ou serviços. Essa é a conclusão de um novo estudo da Comscore divulgado nesta sexta-feira, 15/07.

A Comscore examinou as campanhas de visualização on-line de 15 grandes marcas para comparar o inventário de publicidade e o crescimento da marca entre editores premium e todos os outros editores. O estudo incluiu bens domésticos, automóvel, equipamentos electrônicios e marcas de telecomunicações. Os editores que fizeram parte do estudo eram todos parte da Digital Content Next, um grupo comercial anteriormente conhecido como a Online Publishers Association, que inclui dezenas de publicações mais conhecidas, incluindo The New York Times, ABC, NPR e Condé Nast.

“Este desempenho por meio de funil com tamanho relativamente grande é importante para as grandes marcas de consumo que destinam a maioria dos investimentos com publicidade digital”, escreveu Andrew Lipsman, o autor do relatório. “Estas marcas tendem a ter brand awareness já estabelecida e, portanto, preferem se concentrar mais em influenciar a forma como os consumidores se sentem sobre a marca de modo que eles sejam mais propensos a comprar seus produtos quando eles estão no mercado.”

ComScore disse que o impulso no favorecimento poderia ser um resultado de melhores taxas de visibilidade em sites de 50% em comparação com 45% dos editores não premium. O estudo descobriu que os editores premium também eram melhores em otimizar seus projetos de websites com relação à visibilidade, o que levou os usuários a permanecerem mais tempo em suas páginas e, finalmente, para ver os anúncios integralmente.

Nos sites de editores comuns também são fartamente encontrados anúncios de baixa qualidade na parte inferior das páginas ou anúncios que não estavam visíveis a todos.
Junto com a melhor visibilidade, a comScore disse que os anúncios em sites premium também se beneficiam de um “efeito halo” que vem da qualidade do conteúdo onde os anúncios são publicados. Embora a eficácia dos editores do Digital Content Next tenha sido 67% maior, em geral, 51% desse aumento veio do efeito halo, de acordo com o relatório.

O estudo da comScore mostra que marcas maiores e mais bem estabelecidas são menos focadas em conhecimento e mais nos resultados o que poderia também beneficiar a destinação maior de seus investimentos online para editores premium.
“Os anunciantes são rigorosos com relação aos ganhos em todas as principais métricas de crescimento da marca ao anunciar em sites de editores premium”, segundo o relatório. “Mas eles podem se beneficiar fortemente da publicidade em sites premium, quando eles estão focados especificamente no aumento de como os consumidores se sentem sobre suas marcas.”

Confira o estudo em comscore.com/HaloEffect.

Publicidade