Publicidade
Evolução dos meios no bolo publicitário brasileiro
11 de Janeiro de 2024

Evolução dos meios no bolo publicitário brasileiro

Números foram apurados em estudo do CENP

Publicidade
Twitter Whatsapp Facebook

 

Publicidade

 

O investimento publicitário na compra de mídia em 2023, segundo informações obtidas junto a 325 agências alcançou o montante projetado, com base nos primeiros 9 meses do ano, de 17,9 bilhões de reais.

Share
A internet ampliou seu share de 36,9%, no primeiro semestre, para 38%, no acumulado dos nove meses. Os investimentos no meio somaram mais de R$ 5,6 bilhões.

Segmento que também segue em ascensão é o OOH, que ampliou sua participação de 9,2%, nos primeiros seis meses do ano, para 9,9%, na soma dos três primeiros trimestres. O setor recebeu mais de R$ 1,4 bilhão em investimentos.

A TV aberta, em contrapartida, perdeu participação, embora continue como o meio com maior share: passou de 43%, no primeiro semestre, para 40,6%, no acumulado de janeiro a setembro. Os aportes na TV aberta superaram a marca de R$ 6 bilhões.

Todos os demais meios registraram crescimento ou, ao menos, manutenção da participação na comparação com os dados do primeiro semestre:
TV por Assinatura passou de 5% para 5,2%;
Rádio, de 4% para 4,1%;
Jornal, de 1,4% para 1,6%;
Cinema, de 0,2% para 0,3%.
Revista se manteve com 0,3%.

Para mais informações sobre este assunto, clique aqui.

Publicidade
Publicidade