Publicidade
Corona Cero 0,0% é a primeira cerveja no patrocínio dos Jogos Olímpicos global
17 de Janeiro de 2024

Corona Cero 0,0% é a primeira cerveja no patrocínio dos Jogos Olímpicos global

A Corona Cero 0,0% será a primeira marca de cerveja no patrocínio dos Jogos Olímpicos, que acontece este ano em Paris.

Publicidade

Após o anúncio de que a Corona Cero 0,0% entrará como uma das patrocinadoras oficiais dos Jogos Olímpicos, algumas polêmicas foram levantadas. Afinal de contas, por muitos anos, foram impressos na nossa cabeça que esporte é algo saudável, um pouco diferente do que o consumo de cerveja nos remete, não é mesmo?

Porém, segundo uma frase de Michel Doukeris, CEO da AB InBev, conhecida no Brasil como Ambev, “cerveja e esportes são melhores juntos”. Ele ainda completa dizendo que a cerveja é uma “bebida de moderação e escolha”. Errado ele não está, concorda?

Publicidade

A empresa optou pela Corona Cero 0,0% para ser sua representante nos Jogos Olímpicos em 2024 e, também, em 2028, onde as competições acontecerão em Los Angeles (Estados Unidos). Desta forma, será mais fácil de trabalhar a defesa do “consumo responsável de álcool e promover escolhas conscientes da saúde”, é o que diz o Marketing Beat.

A bebida, que não possui nenhum teor alcoólico, aparecerá ao lado de grandes marcas como, por exemplo, Toyota, Coca-Cola, Airbnb, dentre outros.

De acordo com informações do ADWEEK, esta parceria de patrocínio dos Jogos Olímpicos dará a empresa a chance de se comunicar com mais de 4 bilhões de pessoas no mundo todo que devem assistir às competições. Além disso, tem aqueles que vão até Paris, sede dos Jogos Olímpicos 2024. A estimativa é de 15 milhões de visitantes no período.

Para profissionais de marketing, esta escolha é um momento importante para o segmento

O Marketing Beat aproveitou o anúncio da Corona Cero 0,0% como uma das patrocinadoras oficiais dos Jogos Olímpicos para buscar a opinião de alguns profissionais de marketing sobre o assunto.

Sam Ashken, diretor sênior de estratégia da Interbrand, disse que esta alteração no pensamento sobre cerveja e esporte é um “momento divisor de águas” para as duas marcas (AB InBev e COI como Olimpíadas).

“Este será um sucesso absoluto, você pode apostar sua casa nisso”, concorda o CEO e fundador da Iconic, James Kirkham.

“As Olimpíadas atendem essencialmente a dois públicos-chave – praticantes de esportes ativos que veem marcas 0% como Corona Cero como uma opção significativa, e o público, que pode ver as bebidas alcoólicas tradicionais, quando consumidas com moderação, como um complemento à experiência visual”, explicou Ashken.

Vale lembrar que tivemos por 32 anos a Budweiser como patrocinadora da equipe olímpica dos EUA; a parceria acabou em 2017.

“Ao assumir ambas as categorias, a AB InBev está garantindo que o território de sua marca seja protegido com o acordo e que outros concorrentes não possam entrar na briga. Também ajuda a promover ainda mais a estratégia ‘Smart Drinking’, da AB InBev, que a viu investir cada vez mais em marcas sem ou com baixo teor de álcool em toda a Europa em 2022”, falou Vicky Chew, sócia-gerente da agência de marketing esportivo e de entretenimento Fuse, sobre a Corona Cero 0,0% ser patrocinadora dos Jogos Olímpicos.

Foto: Unsplash

Publicidade
WhatsApp
Junte-se a nós no WhatsApp para ficar por dentro das últimas novidades! Entre no grupo

Ao entrar neste grupo do WhatsApp, você concorda com os termos e política de privacidade aplicáveis.

    Newsletter


    Publicidade