Publicidade
Brand experience e criatividade são destaques no 2º dia do Festival Mundial de Publicidade
08 de Junho de 2023

Brand experience e criatividade são destaques no 2º dia do Festival Mundial de Publicidade

Evento ocorre até amanhã, 9/6, em Gramado/RS

Publicidade
Twitter Whatsapp Facebook

O Festival Mundial de Publicidade, que ocorre em Gramado até amanhã, 9/6, chega ao seu segundo dia.

Palestrantes ressaltaram a importância da publicidade, da comunicação, da criatividade e também do brand experience, estratégia que tem como principal objetivo agregar valor à marca, envolver os consumidores e ajudar a criá-los uma conexão emocional com ela.

Publicidade

Uso de métricas

Leonardo Moura, fundador da Branded Content Brazil mediou um bate-papo entre Eduardo Schuler, CEO da Smart e Bernardo Cupertino, Diretor de Marketing do Magalu sobre o tema “Metodologias e métricas: a comunicação além da criatividade”.

Os profissionais ressaltaram a importância da avaliação de dados no ambiente publicitário. “Qual foi o faturamento de cada um dos canais? Quais as métricas de audiência e tráfego? Qual a taxa de conversão? É necessário saber quais são os indicadores do seu negócio”, pontuaram.

Bernardo Cupertino disse ainda que, no Magalu, a venda é um produto e que a quantidade de tráfego nas redes sociais vezes o número de pessoas que se interessaram no produto (conversão) e vezes o ticket médio (receita unitária para a empresa) é igual a venda.

“A gente analisa todo o processo de canais de venda, audiência e visitas. Isso se chama jornada do consumidor” ressaltou.

Ambos destacaram ainda a importância de as empresas contratarem pessoas, mas não olharem para o seu passado. “Num processo seletivo as pessoas olham o currículo e olham para o passado do candidato. Para mim, o profissional faz diferença com o que ele quer daqui para a frente, não com o passado dele”, afirma Eduardo.

“Eu busco ter uma diversidade de pensamentos, pessoas resilientes e criativas. Se você não tem uma capacidade de adaptação de aprendizado constante, você vai ter muita dificuldade em se adaptar”, diz Bernardo.

É necessário se adaptar

Chris Pelajo (sócia proprietária da Chris Pelajo Produções) e Manzar Feres (diretora geral de negócios em publicidade da Globo) bateram um papo sobre “O futuro da publicidade”.

No painel delas foi destacado que, no Brasil, 30 milhões de brasileiros não têm acesso a internet de boa qualidade e que a TV conectada traz novas oportunidades. “Fabricantes de tevês se tornam lugares para as marcas fazerem publicidade. Devemos levar a nossa marca para onde nossos anunciantes estão “, afirmou Manzar.

Também foi bastante enfatizado sobre a adaptação às novas tecnologias, como a inteligência artificial e o cuidado com direitos autorais no ambiente publicitário.

Protagonismo feminino

Bianca Venturotti, Diretora de Marketing da Boca Rosa Company, juntamente de Marcela Mc Gowan abordaram um assunto necessário para a sociedade atual: Female Gaze, que significa, em palavras mais simples, a importância das mulheres como protagonistas na produção de narrativas.

Afinal, quantas mulheres abrem seus próprios negócios sozinhas no mundo inteiro? Quantas delas têm cargos de liderança dentro das empresas? O que falta para as mulheres terem um maior reconhecimento e valorização dentro da sociedade?

Excelente reflexão, não é mesmo?

Brand Experience

E para finalizar o segundo dia do evento, a atriz e empresária Gabi Lopes – juntamente de Gabe Simas e Marcelo Campos – destacaram a importância do brand experience para os negócios.

Como é possível se destacar em um mercado tão disputado e tecnológico? Como e o que fazer para agregar valor à sua marca? Qual a relação da publicidade com os clientes/consumidores?

“As marcas vendem para alguém. Ela só está de pé porque alguém compra. É necessário checar o que está faltando, o que pode melhorar. Eu acho que a cultura do feedback ela é, de fato, o que faz uma coisa evoluir”, afirmou Gabi. “É necessário tentar entender o que a concorrência está fazendo, entender os pontos fortes e fracos de atenção. As pessoas me perguntam: como você cria tanto conteúdo? Eu respondo: por que eu consumo muito conteúdo. Primeiro você deve consumir, depois criar uma referência e por último, dar o seu olhar naquilo”, afirmou a influenciadora em entrevista ao Acontecendo Aqui.

E amanhã tem muito mais insights, bate-papos e oficina de storytelling, novidade desta edição do festival.

É muita coisa boa para o mundo publicitário!!!

por Zacarias John, jornalista do portal Acontecendo Aqui, especialista em Comunicação, liderança e gestão de pessoas.

Publicidade
Publicidade