Publicidade
Pra Onde Ir – Parte II
09 de Junho de 2022

Pra Onde Ir – Parte II

Publicidade
Twitter Whatsapp Facebook
Por Coluna Economia 09 de Junho de 2022 | Atualizado 09 de Junho de 2022

O crescimento de 1% do PIB brasileiro no I° Trimestre de 2022 ainda não está animando o setor empresarial. O crescimento do setor de Serviços ainda está sustentando este índice positivo e será decisivo para manter a melhora do índice de desemprego.

Com esse 1% positivo O Brasil ficou em 8° lugar no Ranking Mundial superando a maioria dos países do I° mundo, perdendo apenas para o Canadá.

Publicidade

Mesmo com todas as incertezas deste ano eleitoral, esse indicador projeta um cenário de crescimento da economia brasileira.

Então, voltando para o tema das Alternativas que os Presidentes e Ceos das empresas podem encontrar, relembro as primeiras 3 Alternativas colocadas em artigo anterior:

1) Alternativa de Expansão. Como?: Com aquisições ou aumento de cobertura das áreas hoje atendidas

2) Alternativa de Reestruturação: Como? : Ficar menor e mais robusto

3) Alternativa de Diversificação. Como?: Criar novos produtos ou serviços.

A observação feita era: Precisamos sair da inércia.


Agora enumeramos outras 4 Alternativas:

4) Alternativa de Sucessão. Como? Desde que tenha Herdeiros e/ou Sucessores, preparar uma transição do comando

5) Alternativa de Profissionalização. Como? Não tendo herdeiros e sucessores, buscar um Profissional que assuma o comando do negócio e preste contas ao Conselho.

6) Alternativa de Capitalização. Como? Para comprar alguém, para expandir a operação ou para desenvolver novos produtos ou serviços, há necessidade de Capital, que pode vir de um sócio estratégico.

7) Alternativa de Venda do Negócio. Como? Estruturar um Valuation e encontrar interessados em assumir a operação

Qual o desafio dos Presidentes e CEOs ?
Encontrar a alternativa mais adequada para o momento que a empresa vive. O interessante é que todas as alternativas são válidas, dependendo da situação de cada organização.

Embora tenhamos os Juros nas alturas, pressionando o aumento da inadimplência, os indicadores econômicos parecem indicar um mercado em crescimento, ajudado também pelo pacote de bondade do governo. A indústria e o agronegócio também devem se recuperar a partir do

II° trimestre, fortalecendo o PIB.

Então, há que se escolher uma das 7 alternativas e tirar a empresa da inércia. Mãos à obra.


Hermes Ghidini – Consultor de Empresas

HL Ghidini Consultoria
www.hlghidini.com.br
E-mail: hghidini@terra.com.br
Cel: 51-98424-9709

Publicidade
Publicidade