Publicidade
ESTREIA | Cristiane Soethe, é a nova colunista do AcontecendoAqui
08 de Novembro de 2023

ESTREIA | Cristiane Soethe, é a nova colunista do AcontecendoAqui

Jornalista e especialista em Comunicação Corporativa", ela abordará temas relevantes para o mercado e para os estudiosos da área de comunicação

Publicidade
Twitter Whatsapp Facebook
Por Cristiane Soethe 08 de Novembro de 2023 | Atualizado 08 de Novembro de 2023

Caros Leitores!

Com satisfação apresento nossa nova colaboradora: Cristiane Soethe, jornalista formada pela Universidade do Vale do Itajaí, com pós-graduação em Gestão em Comunicação Empresarial, também pela Univali. Cursa mestrado em Administração na Furb com linha de pesquisa voltada ao comportamento de consumo e bem-estar subjetivo. Atua na área de assessoria de imprensa desde 1999, com experiência também em comunicação pública, veículos impressos, televisão e rádio. Sócia da Presse Comunicação, agência especializada em assessoria de imprensa e marketing digital há 15 anos no mercado. Já participou de intercâmbios profissionais e de estudos na Europa, foi presidente da Associação de Imprensa do Médio Vale do Itajaí por quatro anos e também professora universitária em cursos de Graduação e Pós-Graduação.

Publicidade

Bem-Vinda Cristiane!

Jailson de Sá
Editor

 

Inauguro hoje minha coluna no Acontecendo Aqui convidando você a refletir sobre comunicação corporativa, comportamento de consumo e tendências de marketing. A cada duas semanas, pretendo abordar diferentes perspectivas sobre esses temas e propor discussões que considero relevantes para o mercado e para os estudiosos da área de comunicação.

Cristiane Soethe

 

Navegando no presente: comportamento de consumo em um mundo em transformação

A importância das marcas estarem atentas às relações humanas

Grandes acontecimentos globais têm mostrado um impacto direto nas mudanças no comportamento de consumo. No século XXI já presenciamos, por exemplo, o 11 de Setembro (2001), a invasão do Iraque (2003), a crise financeira global (2008) e a Primavera Árabe (2010). Mais recentemente, o que se considera o maior evento disruptivo do século é a Pandemia de Covid-19 que, acompanhada das mudanças climáticas – esta inegavelmente uma crise convergente para a sociedade atual – são  mudanças que afetam o mundo dos negócios.

Um dos fatores que devem ser levados em conta é que os momentos de crise são notadamente caminho para a solidariedade social e para um senso de coletivismo. Essa mudança cultural gera efeitos no comportamento do consumidor. Observamos nos últimos anos uma transição para hábitos de consumo mais conscientes e a priorização da experiência em detrimento da compra propriamente. Os consumidores hoje querem tirar o máximo de valor daquilo que eles estão comprando. O consumo intencional, com consciência ambiental e tendo como impulsionadores o bem-estar físico e mental, alinhamento com valores e identidade, oportunidade de experiências estimulantes e conexões físicas e digitais é uma realidade impulsionada pelos últimos eventos e que deve permanecer arraigada à nova geração de consumidores.

O relatório “2024 Global Consumer Trends”, produzido pela agência de inteligência de Marketing americana Mintel, identificou pelo menos cinco tendências que merecem a atenção das marcas, sobretudo no que se refere à importância das relações humanas. Ainda é incerto como as alterações climáticas e as incertezas sobre a Inteligência Artificial irão impactar nos hábitos de compra no próximo ano. Porém, o relatório aponta a necessidade de levar em consideração os seguintes pontos:

Ser humano: Num mundo cada vez mais dominado por algoritmos, precisaremos de competências e emoções humanas para tirar o máximo partido desta revolução tecnológica.

Mais do que dinheiro: Os consumidores vão reavaliar o que é mais importante para eles, afetando não apenas o que querem e precisam, mas também a sua percepção do que constitui valor.

Renascimento do relacionamento: Os consumidores que encontram conforto através das telas em detrimento de relacionamentos significativos e da vida real buscarão novas formas de intimidade para o bem de sua saúde física e mental.

Nova realidade verde: Incorporar a sustentabilidade no dia a dia não é suficiente; os consumidores e as marcas serão confrontados com a realidade de que a sobrevivência num novo contexto climático tem de ser a prioridade.

Perspectivas positivas: Marcas e consumidores trabalharão juntos de novas maneiras para lidar com a incerteza.

Essas constatações nos mostram pontos de atenção quando se trata de interagir com os consumidores em um cenário de constante mudanças como o que estamos vivenciando. A própria inovação pode moldar o comportamento do consumidor, afetando as suas preferências, expectativas e decisões de compra. A essas tendências apontadas pelo relatório da Mintel, podemos acrescentar outras mudanças de comportamento como o aumento das compras online, a busca por mais tempo para atividades de lazer e compras baseadas em valor e não em preço. E tudo isso já é nosso presente. O que vemos, porém, ainda são muitas marcas dedicando tempo demais para pensar no futuro, mas com dificuldade de encontrar uma posição no mercado atual. É preciso prestar mais atenção no fato de que o presente é o momento em que o marketing ocorre. E é prioritariamente nele que as marcas precisam pensar e adaptar suas estratégias.

Seu negócio está preparado para o presente ou pensando demais no futuro? Quais mudanças no comportamento de consumo estão atingindo sua marca? Convido você a fazer essa reflexão e continuaremos a falar sobre o assunto.

Obrigada pela leitura e até a próxima!

Para me conhecer melhor, acesse meu Linkedin.

Imagem em destaque: Canva Pro

Publicidade
Publicidade