Publicidade
Coluna Cinema | Filmes com Mensagens de Esperança
24 de Maio de 2024

Coluna Cinema | Filmes com Mensagens de Esperança

Publicidade
Por Coluna Cinema 24 de Maio de 2024 | Atualizado 24 de Maio de 2024

O cinema tem uma capacidade única de captar e transmitir emoções profundas, e poucos temas são tão poderosos quanto a esperança.

Filmes que exploram este sentimento oferecem não apenas entretenimento, mas também inspiração e conforto para as audiências. Ao contar histórias de superação, resiliência e otimismo, essas obras cinematográficas conseguem tocar os corações dos espectadores, lembrando-os de que, mesmo nos momentos mais sombrios, há sempre uma luz no fim do túnel.

Publicidade

Desde clássicos atemporais até produções contemporâneas, o cinema tem apresentado inúmeras narrativas onde a esperança se destaca como um elemento central. Filmes como Um Sonho de Liberdade, que narra a luta de um homem inocente em busca de justiça e liberdade, e A Vida é Bela, que mostra a determinação de um pai em proteger seu filho durante os horrores da Segunda Guerra Mundial, exemplificam como a esperança pode ser uma força transformadora. Essas histórias não apenas emocionam, mas também lembram o público da importância de manter a fé e a coragem, independentemente das adversidades. Confira 5 filmes para te inspirar com esperança:

Um Sonho Possível: Michael Oher (Quinton Aaron) é um jovem negro, filho de uma mãe viciada e que não tem onde morar. Com boa vocação para os esportes, um dia ele é avistado pela família de Leigh Anne Tuohy (Sandra Bullock), andando em direção ao estádio da escola para dormir longe da chuva. Ao ser convidado para passar uma noite na casa dos milionários, Michael não tem ideia que aquele dia mudaria para sempre a sua vida. Com a ajuda da nova família e de uma tutora dedicada, ele percebe seu potencial como estudante e jogador de futebol americano. Ano 2009. Diretor: John Lee Hancock. Disponível no Max e Prime Video.

 

À Procura da Felicidade: Chris Gardner (Will Smith) é um pai de família que enfrenta sérios problemas financeiros. Apesar de todas as tentativas em manter a família unida, Linda (Thandie Newton), sua esposa, decide partir. Chris agora é pai solteiro e precisa cuidar de Christopher (Jaden Smith), seu filho de apenas 5 anos. Ele tenta usar sua habilidade como vendedor para conseguir um emprego melhor, que lhe dê um salário mais digno. Chris consegue uma vaga de estagiário numa importante corretora de ações, mas não recebe salário pelos serviços prestados. Sua esperança é que, ao fim do programa de estágio, ele seja contratado e assim tenha um futuro promissor na empresa. Porém seus problemas financeiros não podem esperar que isto aconteça, o que faz com que sejam despejados. Chris e Christopher passam a dormir em abrigos, estações de trem, banheiros e onde quer que consigam um refúgio à noite, mantendo a esperança de que dias melhores virão. Ano 2006. Direção: Gabriele Muccino. Disponível na Netflix e Prime Video.

 

Intocáveis: Philippe (François Cluzet) é um aristocrata rico que, após sofrer um grave acidente, fica tetraplégico. Precisando de um assistente, ele decide contratar Driss (Omar Sy), um jovem problemático que não tem a menor experiência em cuidar de pessoas no seu estado. Aos poucos, Driss aprende a função, apesar das diversas gafes que comete. Philippe, por sua vez, se afeiçoa cada vez mais ao jovem por ele não tratá-lo como um pobre coitado. De pouco em pouco a amizade entre ambos vai se estabelecendo, conhecendo melhor um o mundo do outro. Ano 2011. Direção: Olivier Nakache, Éric Toledano. Disponível no Telecine e Prime Video.

Extraordinário: Auggie Pullman (Jacob Tremblay) é um garoto que nasceu com uma deformidade facial e precisou passar por 27 cirurgias plásticas. Aos 10 anos, ele finalmente começa a frequentar uma escola regular, como qualquer outra criança, pela primeira vez. No quinto ano, ele precisa se esforçar para conseguir se encaixar em sua nova realidade. Ano 2017. Direção: Stephen Chbosky. Disponível no Telecine e Prime Video.

 

Histórias Cruzadas: Nos anos 60, no Mississippi, Skeeter (Emma Stone) é uma garota da alta sociedade que retorna determinada a se tornar escritora. Ela começa a entrevistar as mulheres negras da cidade, que deixaram suas vidas para trabalhar na criação dos filhos da elite branca, da qual a própria Skeeter faz parte. Aibileen Clark (Viola Davis), a empregada da melhor amiga de Skeeter, é a primeira a conceder uma entrevista. Apesar das críticas, Skeeter e Aibileen continuam trabalhando juntas e, aos poucos, conseguem novas adesões. Ano 2011. Direção: Tate Taylor. Disponível no Star+.

Comenta nas minhas redes sociais @jessielodi qual seu filme favorito sobre esperança?

Envie a sua sugestão de pauta pro nosso e-mail [email protected] ou comente nas minhas redes sociais @jessielodi.

Você pode me acompanhar também no PODCAST CINE GIRLS no YouTube.

Até a semana que vem.

Publicidade
Publicidade