Publicidade
A tecnologia como ferramenta estratégica para geração de experiências
25 de Agosto de 2023

A tecnologia como ferramenta estratégica para geração de experiências

O uso ostensivo dos recursos tecnológicos e digitais nos eventos vem proporcionando vivências que agregam valor à jornada dos participantes

Publicidade
Por Alisson Barcelos 25 de Agosto de 2023 | Atualizado 25 de Agosto de 2023

Credito da imagem: Reprodução/Twitter Alok

No dia 26 de agosto um show entrará definitivamente para a história do setor de eventos no Brasil. Trata-se da apresentação que o Dj Alok fará na praia de Copacabana. Além de fazer parte das comemorações dos 100 anos do Hotel Copacabana Palace, o espetáculo acontecerá no mesmo dia em que o artista completará 32 anos de idade.

Na imprensa brasileira e internacional, o projeto vem sendo descrito como o “show de século”. Com uma previsão de público estimada em mais de um milhão de pessoas, o evento que será gratuito contará com uma megaestrutura montada na beira da praia e que foi desenvolvida especialmente para a apresentação.

Publicidade

Além do set especial que Alok irá tocar para comprovar porque é reconhecido como um dos mais importantes DJs da atualidade em todo o mundo, quem prestigiar a apresentação ainda terá a oportunidade de assistir uma bateria composta por 120 integrantes das escolas de samba do Rio de Janeiro e um encerramento que trará uma queima de fogos que deve se equipar com a festa de réveillon na capital carioca.

Em outro aspecto o show protagonizado por Alok também deve ser um marco no cenário brasileiro: a tecnologia. Os recursos tecnológicos que serão integrados à apresentação do DJ terão papel decisivo na geração de experiências ao público. Painéis de LED interativos, shows de laser e luz, uma gigantesca pirâmide como palco principal e uma coreografia de drones devem emocionar quem estiver curtindo o evento. Todos os preparativos e novidades da apresentação, é claro, estão sendo informados por meio das redes sociais.

Esse é o assunto dessa coluna: como a tecnologia oportuniza a geração de experiências de valor aos participantes de eventos. Então, coloque seus óculos 3D e tenha uma boa leitura!

 

A otimização dos eventos através dos dispositivos tecnológicos de gestão

Credito da imagem: Freepik

Os profissionais que atuam na organização de eventos sabem que otimização e organização são palavras fundamentais em todas as etapas de um projeto. E, especialmente, durante a fase de planejamento. Afinal de contas, em um negócio no qual sempre existe a possibilidade da existência de contratempos, não há forma melhor do que evitar os imprevistos do que ter tudo planilhado e encaminhado de forma antecipada.

Nesse sentido, atualmente, existem uma série de recursos tecnológicos que podem e devem ser utilizados pelos organizadores de eventos com o objetivo de poupar o tempo, democratizar as informações e ampliar a eficácia das ações.

Aplicativos de ampla utilização como, por exemplo, o Google Drive, podem servir de forma estratégica. A possibilidade de manter todos os arquivos atualizados e disponíveis de maneira rápida e prática por toda a equipe envolvida tem um impacto positivo na gestão do tempo de um projeto.

Até mesmo o WhatsApp, desde que utilizado com sabedoria, pode ser uma ferramenta de grande valia. Então, nada de encaminhar as tradicionais e enfadonhas mensagens de bom dia. Foque-se no objetivo e utilize os grupos de maneira assertiva e eficaz.

Para quem curte um pouco mais a área de design e gosta de adicionar um pouco de sofisticação ao seu planejamento, diversos aplicativos podem ser usados no processo de produção de um evento. O Super Planner, por exemplo, tem entre seus recursos o cálculo da capacidade total de público em um ambiente. Na elaboração e apresentação de projetos, o Canva é uma referência, não é à toa que conta com milhões de usuários em mais de 150 países do mundo.

Então, escolha a sua ferramenta e mãos à obra. A eficiência está a um clique de distância.

 

A importância da automatização dos processos na jornada do participante

Credito da imagem: Freepik

Curtir a apresentação do seu artista favorito, assistir aquela palestra com um profissional de destaque ou participar de uma feira com as últimas novidades e tendências no seu segmento de atuação são eventos de grande importância nos dias de hoje e se conectam diretamente com os anseios e demandas do público.

Porém, muitas vezes, a felicidade de participar de uma ação acaba se transformando em angústia e até mesmo em decepção devido a algumas dificuldades que acontecem durante a jornada do participante.

Sistemas que insistem em se manterem instáveis ou não finalizarem as operações, profissionais descuidados ou mesmo negligentes no fornecimento de informações e restrições quanto às formas de pagamento afetam os participantes e podem impactar no sucesso de um projeto.

A boa notícia é que as muitas inovações tecnológicas podem facilitar todos esses processos. A venda de ingressos online, por exemplo, já é uma prática consolidada no mercado. Segurança, agilidade e confiança são algumas das características que fizeram com que essa modalidade de negócio ganhasse tanta relevância na atualidade.

Todas as etapas de realização de um evento também podem se beneficiar diretamente da tecnologia para ampliar seus resultados. A elaboração de listas de inscritos ou mesmo o envio de convites ou confirmações podem ser feitos através de sistemas que facilitam a operação e dinamizam os processos.

Hoje em dia, até mesmo as pesquisas de satisfação pós-evento podem ser feitas com o suporte da tecnologia. Basta apenas encontrar a ferramenta certa e colher os bons resultados.

 

O uso das mídias sociais muito além do marketing digital

Crédito da imagem: FreePik

O papel das mídias sociais no que diz respeito ao marketing digital é algo absolutamente consolidado dentro do mercado de eventos. É praticamente impossível imaginar na atualidade uma ação de sucesso que não conte com uma assertiva estratégia de comunicação. Um bom exemplo dessa realidade é o Tomorrowland Brasil, que acontece no mês de outubro em São Paulo. O evento conta em sua página do Instagram com um total aproximado de 600 mil inscritos e isso ajuda a explicar porque todos os ingressos já estão vendidos.

Porém, muito mais do que utilizar as redes sociais para promover os eventos, esses canais podem ser usados de forma estratégica para fornecer aos participantes informações importantes visando ampliar o alcance e o engajamento do público.

Quando um participante recebe informações ligadas à segurança, à sustentabilidade, à inserção de políticas de inclusão e outros assuntos de grande relevância ligados a um evento que ele participará, com certeza seu interesse pela ação tende a se ampliar, o que aumenta ainda mais sua conectividade com o projeto.

As redes sociais também podem ter um papel de extrema importância no processo de valorização das equipes e profissionais envolvidos. Quando alguém realiza um bom trabalho e recebe o reconhecimento, sua motivação se amplia e sua fidelidade à empresa e ao projeto também.

Postar fotos e vídeos nas redes sociais é importante, porém, se as publicações tiverem um caráter mais informativo e menos publicitários, seus resultados tendem a ser ainda melhores.

 

Futurecom 2023 reunirá as principais tendências e novidades da tecnologia

Credito da imagem: Divulgação/Futurecom

Considerada a maior plataforma B2B de conteúdo e relacionamento voltada ao universo de tecnologia e conectividade da América Latina, o Futurecom é um evento que combina exposições, experiências, debates, networking e demonstrações sobre os impactos das aplicações de tecnologias em praticamente todos os segmentos da economia, gerando grandes oportunidades de negócios.

A edição deste ano, que acontece entre os dias 03 e 05 de outubro no São Paulo Expo, na capital paulista, tem como tema “Connecting the Interactions – A era da interação de dados, pessoas e negócios conectados”.

De acordo com Hermano Pinto, diretor do Futurecom, “o tema foi trazido por ser justamente o contraponto da conectividade ponto a ponto, que por mais de 200 anos foi a realidade das comunicações, como quando duas crianças brincavam com latas ligadas por um fio. A chegada da internet, das OTTs ampliaram a realidade do broadcast para um novo estágio, onde muitos falam com muitos, ou muitos interagem com muitos. Daí o pensamento e necessidade de ampliar a conectividade tradicional para a conectividade habilitadora de múltiplas interações”.

De acordo com os realizadores, a edição 2023 contará com mais de 250 marcas expositoras, mais de 30 mil visitantes e 800 palestrantes, proporcionando um total superior a 200 horas de conteúdo aos participantes.

 

Edição 2023 do Startup Summit tem início no dia 23 de agosto em Florianópolis

Credito da imagem: Divulgação/Startup Summit

E se o assunto é tecnologia, nada melhor do que encerrar a coluna abordando um dos principais eventos do calendário brasileiro com foco no ecossistema de startups. Trata-se do Startup Summit 2023 que se propõe a ser um ambiente ideal para quem deseja compartilhar conhecimentos e gerar oportunidades de negócio.

Organizado pelo Sebrae, o evento presencial que começou no dia 23 e se estende até 25 de agosto teve seus ingressos esgotados em todos os dias. De acordo com os organizadores, a previsão é que o público seja superior a 10 mil pessoas na capital catarinense.

Ao todo, o evento promoverá palestras com mais de 200 profissionais que são referência em diversos setores de mercado compondo um total de 21 trilhas de conteúdo. Na transmissão online, a expectativa é receber 30 mil participantes, que poderão assistir aos painéis da plenária principal e acessar os estandes virtuais dos patrocinadores e expositores em um espaço exclusivo.

A programação inclui palestras de especialistas internacionais renomados como Eric Ries, empresário e criador do movimento lean startup; Deborah Perry Piscione, empreendedora do Vale do Silício e autora best-seller; e Tim Ash, uma das principais referências de marketing digital do mundo. Também estão confirmados grandes executivos brasileiros como André Street (Stone), Juliano Tubino (TOTVS/RD Station), Daniel Moczydlower (Embraer X), Rachel Maia (RM Consulting/ONU), Vinicius Roveda (Conta Azul), Paulo Silveira (Alura), Ana Carolina Vianna de Rezende (Astella).

Publicidade
WhatsApp
Junte-se a nós no WhatsApp para ficar por dentro das últimas novidades! Entre no grupo

Ao entrar neste grupo do WhatsApp, você concorda com os termos e política de privacidade aplicáveis.

    Newsletter


    Publicidade