Publicidade
A partir de fevereiro, o WhatsApp Business apresenta novo sistema de cobrança
20 de Janeiro de 2022

A partir de fevereiro, o WhatsApp Business apresenta novo sistema de cobrança

O que isso significa para as marcas?

Publicidade
Twitter Whatsapp Facebook

Foto:Pixabay

O WhatsApp pretende fazer uma grande mudança para as empresas que utilizam uma API para se comunicar com o cliente.

Publicidade

A partir de fevereiro, as contas do WhatsApp Business serão cobradas por conversas, e não mais por notificações.

Nesse contexto, a OmniChat, empresa líder no segmento de chat-commerce e Business Solution Provider (BSP) do mensageiro, explica como as empresas podem usar o novo modelo a seu favor.

Maurício Trezub, CEO da OmniChat explica que, “O WhatsApp Business é fundamental para marcas e consumidores em todo o mundo. Para se ter uma ideia, somente aqui no Brasil, já ultrapassamos os 120 milhões de pessoas com o aplicativo instalado no celular. E então, devido ao sucesso deste canal, é natural que ele se torne imprescindível para os negócios“.

O que é um API?

O WhatsApp Business API é a solução que o Meta (antigo Facebook) desenvolveu para escalar o atendimento por WhatsApp. Pensada em automatizar conversas de médias e grandes empresas, esta solução possibilita que os atendentes consigam administrar as conversas por chat em uma plataforma digital pelo computador ou por um aplicativo específico de mensageria. Além disso, ele ajuda as corporações a tornarem o atendimento pelo canal cada vez mais profissional e personalizado, com todos os atendentes centralizados em um único número.

Quando foi lançado, o Business API funcionava em um modelo baseado em notificações, ou seja, se uma empresa abria uma conversa com um usuário, ela era cobrada por mensagem de template enviada. Caso fosse o usuário a começar a conversa, não havia cobrança alguma.
Com as mudanças, haverá dois tipos de categorias de conversa: as iniciadas pelo cliente e as iniciadas pela própria empresa e, os preços irão variar de acordo com o país que a mensagem é enviada.

“Um dos pontos mais importantes dessa mudança é que as primeiras mil sessões de conversas de cada mês são gratuitas. Assim, uma empresa pode testar e construir experiências com os clientes antes de ter qualquer custo. Outra questão relevante é o tempo hábil de atendimento, a cobrança acontece por cada nova sessão, que tem um ciclo de 24h antes de ser taxada novamente. Isso pode ser um incentivo para os times atenderem o cliente com agilidade e otimizarem vendas ou resolução de problemas”, reflete Trezub.

Vantagens da mudança

Uma das vantagens da mudança é que o primeiro atendimento das conversas iniciadas por um “Click To WhatsApp” que tenha vindo dos apps do Meta (Instagram e Facebook), não são cobradas. Em português o recurso é o “Conversa em um clique” e cria um link pelo qual será possível iniciar uma nova conversa no WhatsApp, simplificando muito o processo de um consumidor contatar uma marca via mensageiro.

“O WhatsApp Business trouxe às marcas a possibilidade de se relacionarem com os clientes pelo seu app favorito de forma humanizada e conversacional. O serviço de API ajuda pequenas, médias e grandes empresas a atenderem pelo app de mensageria de maneira profissional. Mesmo com a mudança, utilizar uma API continuará trazendo inúmeros benefícios para os negócios, e a importância do WhatsApp para os brasileiros vai continuar a mesma: gigante”, finaliza o CEO.

 

Publicidade
Publicidade