Publicidade
As redes sociais podem assumir um papel profissional na sua vida
03 de Novembro de 2021

As redes sociais podem assumir um papel profissional na sua vida

Publicidade
Twitter Whatsapp Facebook

Muito se discute atualmente sobre os efeitos nocivos que as redes sociais trazem para as pessoas. Questões como a ansiedade, FOMO, preocupações com a autoestima e a imagem e outros assuntos sérios precisam ser abordados. Ao mesmo tempo, não se pode perder de vista os pontos positivos das redes sociais e o uso delas para o âmbito profissional é algo que deve ser abordado e mais explorado.

Quando se fala de trabalho e redes sociais se pensa logo em influencers e pessoas que têm sua renda com publicações pagas e campanhas. Ou então uma loja ou comércio que criou um perfil profissional. Mas não precisa ser só isso.

Publicidade

O blog da Catho trouxe uma publicação bastante interessante sobre como as redes sociais podem funcionar como um CV. Há no post uma série de dicas para as pessoas exibirem seu currículo e cuidados a serem tomados pelo profissional. 

Essa estratégia pode sem dúvidas dar muitos frutos, seja no campo do marketing ou vários outros. E aqui estão algumas razões:

Recrutadores já estão nas redes sociais há muito tempo

Os recrutadores rondam o Facebook, Instagram e especialmente o LinkedIn há muito tempo. Mesmo que os processos seletivos dependam de ferramentas mais tradicionais, como um site de emprego e dinâmicas de grupo, é comum que profissionais de RH olhem as redes sociais em busca de entender o perfil de um colaborador e até se há questões a se preocupar.

Mostrar um pouco sobre sua formação, seus feitos na carreira e conquistas – uma meta batida, um diploma conquistado, um curso realizado – pode ser muito positivo não só para compartilhar a alegria com seus seguidores, mas também evidenciar para recrutadores a sua trajetória de carreira e a importância que você dá a sua vida profissional.

O LinkedIn é o espaço onde isso pode ser feito mais naturalmente, afinal é uma rede social profissional. Mas o Instagram também pode ser útil e como o citado post no blog da Catho coloca, é interessante criar um perfil profissional para se diferenciar do seu perfil pessoal, já que os conteúdos podem variar bastante.

Networking

O Networking é uma das ações mais importantes na vida de qualquer profissional. Criar relações importa em qualquer momento de sua carreira, não importa se você tem um emprego ou não, se está satisfeito (a) com seu atual emprego ou não.

Mostrar um pouco de seu trabalho nas redes sociais tem o mesmo efeito de arrumar uma vitrine e expor seus melhores produtos nela. O mundo saberá o que você faz e que você se orgulha do que está realizando. Isso só tem efeito positivo e pode ajudar quando algum amigo seu souber de uma vaga na sua área, por exemplo. Você pode se tornar referência para o assunto.

Mas atenção, orgulhar-se dos feitos é diferente de se gabar e é preciso saber navegar na diferença entre se apresentar para o mundo e se exibir a todo instante. 

Manter-se atualizado

No atual cenário de transformação digital e inovação constante em todos os setores, manter-se atualizado é importantíssimo, mesmo se você está no auge de sua carreira ou acabou de sair da sala de aula.

As redes sociais podem ser positivas nesse sentido porque empresas, universidades e profissionais começaram a entender esse potencial do meio de comunicação e também criam conteúdo.

Portanto siga perfis de empresas relevantes de seu setor, de acadêmicos e profissionais que são referência e até de colegas. Postagens, lives e stories podem ser tão usados para aumentar seu conhecimento e entender o que está acontecendo como um relatório ou uma apresentação profissional.

No campo do marketing isso se aplica com ainda mais intensidade, já que é possível acompanhar o que outras agências estão fazendo e como suas campanhas estão sendo recebidas pelo público. Boas ideias podem inspirar sempre.

Publicidade
Publicidade