Publicidade
Sinapro RS agora é Sistema Nacional das Agências de Propaganda no Rio Grande do Sul
17 de Junho de 2022

Sinapro RS agora é Sistema Nacional das Agências de Propaganda no Rio Grande do Sul

Presidente do CENP: "somos uma indústria de ponta da economia criativa”

Twitter Whatsapp Facebook

Novo posicionamento e ressignificação da entidade foi lançado em evento na última terça-feira, 14/6,, na ESPM, em Porto Alegre, com a presença do presidente do CENP, Luiz Lara

O Sinapro RS lançou oficialmente em evento que reuniu lideranças das agências de propaganda e dos veículos de comunicação do Rio Grande do Sul, o seu novo posicionamento que ressignifica a sua forma de atuação. A partir de agora, o Sinapro RS é Sistema Nacional das Agências de Propaganda no RS, passando a atuar em conexão e ecossistema com a Federação Nacional das Agências de Propaganda (Fenapro) e com os outros estados do país. O Sinapro RS é o primeiro dos 19 Sinapros ligados à Fenapro a assumir oficialmente a nova nomenclatura e mudança de atuação – que vem acontecendo gradualmente nas últimas gestões, tendo se consolidado nos últimos dois anos.


As mudanças

O novo modelo, seus objetivos e desdobramentos foram apresentados pelo presidente do Sinapro RS, Juliano Brenner Hennemann. “Somos sindicato? Também!”, afirmou, acrescentando que a entidade assume uma missão que vai além do seu core e da sua função sindical e legal. “Vamos atuar também no apoio à gestão e na potencialização do ambiente de negócios das agências. Esse movimento representa a busca por uma melhor compreensão do que fazemos, para quem fazemos e porque fazemos.

” Hennemann apresentou, ainda, as quatro campanhas que irão pautar a gestão da entidade em 2022, que teve sua largada com o evento “A importância de atualizar o sistema”, protagonizado pelo publicitário, presidente do Fórum da Autorregulação do Mercado Publicitário (CENP) e fundador da Lew’Lara\TBWA, Luiz Lara, seguido da campanha de lançamento do Sinapro RS como Sistema. As duas próximas ações estarão focadas em consultoria de editais para entes públicos e público-privados e em mostrar ao mercado gaúcho como investimento em marca é fundamental para qualquer negócio.

O publicitário, presidente do CENP, fundador da Lew’Lara\TBWA e um dos grandes empresários da indústria da comunicação no Brasil, Luiz Lara, foi o grande protagonista do encontro. Convidado especial do Sinapro RS para esse momento importante de lançamento do novo posicionamento e ressignificação da entidade, ele falou para uma plateia atenta sobre “A importância de atualizar o sistema”, trazendo sua experiência na atual gestão do CENP, onde vem desenvolvendo um trabalho que está imprimindo um novo olhar e um novo modelo na indústria nacional da comunicação e da publicidade.

 

Juliano Brenner Hennemann, Daniel Queiróz e Luiz Lara

 

CENP

No bate-papo, Lara reiterou a força e a grandeza do mercado publicitário diante do desafio de comunicar em um mundo multiplataforma e hiperconectado, destacando que um dos pilares que tornou a publicidade brasileira uma das três melhores do mundo é a autorregulação, primeiro com o Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar), criado em 1978, e 20 anos depois com o CENP. No entanto, ele lembrou que a indústria nacional atravessa atualmente enormes desafios e o CENP, como fórum que reúne os principais atores do mercado, também está se reinventando para acompanhar essas mudanças e manter-se relevante como entidade emuladora das melhores práticas. “Independentemente do meio, temos plena ciência do poder da publicidade para os negócios, para a economia e para a sociedade”, afirmou, ilustrando com um recente levantamento do CENP-Meios, que mostra que a indústria publicitária movimentou R$ 19,7 bilhões em 2021, enquanto um estudo recente da Deloitte em parceria com o CENP comprovou que de cada R$ 1 investido em publicidade, são gerados R$ 8,54 na economia. “Por isso somos uma indústria de ponta da economia criativa”, reforçou, evidenciando a paixão que carrega e sempre alimentou pela publicidade e pela indústria criativa ao longo dos 40 anos de trajetória profissional.

Em relação ao trabalho que vem desenvolvendo no CENP, Lara destacou que o principal objetivo da nova gestão é atrair mais participantes do mercado publicitário dentro de uma visão ampliada para contemplar a transformação digital e os novos modelos de negócio do setor e dar voz a todo o ecossistema da publicidade. Outra pauta que está no radar é se aproximar mais dos mercados regionais, ouvindo e reconhecendo a força dos agentes e valorizando os ecossistemas publicitários locais. “A região Sul, tradicionalmente, é um celeiro de talentos e uma potência econômica. Sua gente e sua força são fundamentais nesse movimento”, reforçou.

O presidente da Fenapro, Daniel Queiroz, também participou do bate-papo com agências e veículos e enfatizou a importância da conexão entre Sinapros e a Federação, reforçando que o ambiente de cada Sinapro deve ser visto como um hub de solução e de conexões. “Façam uso dessa grande força que vocês têm no Rio Grande do Sul, para o fortalecimento das agências e do mercado da comunicação gaúcho e nacional”, convocou.

O evento organizado pelo Sinapro RS contou com apoio institucional do CENP e da Fenapro e apoio da Associação Riograndense de Propaganda (ARP) e da ESPM.

Evento promovido pelo Sinapro RS reuniu lideranças das agências e dos veículos para o lançamento do novo modelo de atuação da entidade e para compartilhar experiências com o presidente do CENP Luiz Lara

Crédito: João Alves / Divulgação Sinapro RS

Publicidade