Publicidade
Omnicom compra Grupo ABC, de Nizan Guanaes, por 1 bilhão
21 de Novembro de 2015

Omnicom compra Grupo ABC, de Nizan Guanaes, por 1 bilhão

Publicidade
Twitter Whatsapp Facebook

No mês de junho, durante a realização do Cannes Lions Festival, sugiu o comentário de que Nizan Guanaes estava negociando a venda do Grupo ABC para a multinacional WPP. Tanto Nizan quanto Martin Sorrel, cirriman do WPP, negaram aos jornalistas naquela ocasião (leia aqui). No entanto, já estavam em andamento tratativas com outros interessados na empresa do brasileiro, pois nesta semana o jorlaista Lauro Jardim revelou que depois de seis meses de negociação, o grupo ABC, de Nizan Guanaes, foi vendido hoje para o americano Omnicom, na maior transação da história do mercado de propaganda do Brasil. Trata-se de um negócio em torno de R$ 1 bilhão.

Segundo Jardim, a operação será anunciada oficialmente na segunda-feira, em Nova York, onde o Omnicom tem sua sede e ações na bolsa de valores.

Publicidade

Pelo contrato assinado hoje, nada mudará na estrutura do ABC nos próximos cinco anos. Ou seja, Nizan e Guga Valente continuarão dando as cartas no grupo até pelo menos 2020. Parte da transação será paga de imediato e o restante em cinco anos. 

O grupo ABC tem como sócios, além de Nizan e Guga, o fundo Kinea (do Itaú) e o grupo Icatu. É dono da África, Loducca, CDN, entre outras, e sócio da própria Omnicom na DM9 e na Interbrand.

Publicidade
Publicidade