Publicidade
Sebrae/SC promove 1º Workcoffee de Inovação Social em Araranguá
19 de Junho de 2024

Sebrae/SC promove 1º Workcoffee de Inovação Social em Araranguá

Evento ocorre nesta quinta-feira, 20

Nesta quinta-feira, 20, Araranguá recebe um evento pioneiro em inovação social, promovido pelo Sebrae/SC e executado pela Abadeus.

O primeiro Workcoffee de Inovação Social ocorre das 8h30 às 11h45, na Associação Empresarial do Vale do Araranguá (Aciva), e tem como objetivo reunir diferentes setores da sociedade para dialogar e cocriar soluções inovadoras que possam enfrentar os desafios sociais da região.

Publicidade

A iniciativa visa integrar o Poder Público, Organizações da Sociedade Civil (OSC’s), empresas, Judiciário, universidades, incubadoras, conselhos de políticas públicas setoriais, startups e lideranças comunitárias em um esforço colaborativo para construir um futuro mais próspero e igualitário.

Jordana Roos Ribeiro, analista de atendimento da Gerência Regional Sul do Sebrae/SC afirma que, “O Workcoffee é uma ação que será realizada dentro do projeto de fortalecimento do ecossistema de inovação do terceiro setor em Araranguá. Ele é de extrema importância para o município, pois poderemos discutir e cocriar em rede, com instituições parceiras, soluções inovadoras para questões sociais”.

Inscrições e programação

A Abadeus Centro de Inovação Social conduzirá o evento com o apoio da entidade local Amai-vos Uns Aos Outros. As vagas são limitadas e os interessados devem se inscrever aqui.

O evento terá uma recepção às 8h30, seguido pela abertura e apresentação dos dados sociais de Araranguá, intitulado “Araranguá em Números”, das 8h45 às 9h45. Após uma sessão de interações e formação de grupos de trabalho, há um intervalo para café das 10h às 10h30. Para encerrar, a etapa de cocriação ocorrerá das 10h30 às 11h30.

Catarinenses em vulnerabilidade

Em Santa Catarina, um dos estados com melhor qualidade de vida, 23% da população enfrenta vulnerabilidade, totalizando 1,7 milhão de pessoas. Além disso, a PNAD Contínua – Educação de 2022 indica que 178 mil catarinenses entre 15 e 29 anos não estudam nem trabalham.

Dados do Ministério do Desenvolvimento Social (2024) revelam que 96 milhões de brasileiros estão cadastrados no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, o que representa 47% da população dependente de algum auxílio governamental.

Shirlei Monteiro, diretora da Abadeus afirma que, “O cenário de vulnerabilidade social no Brasil é alarmante e exige uma ação coletiva e inovadora. Precisamos unir forças entre o poder público, empresas, organizações da sociedade civil e a comunidade para criar soluções sustentáveis e impactantes. Somente através do trabalho em rede conseguiremos transformar essa realidade e proporcionar um futuro mais justo e igualitário para todos”.

Foto: Divulgação Sebrae/SP

WhatsApp
Junte-se a nós no WhatsApp para ficar por dentro das últimas novidades! Entre no grupo

Ao entrar neste grupo do WhatsApp, você concorda com os termos e política de privacidade aplicáveis.

    Newsletter