Publicidade
Sicredi Sul libera R$ 6,10 bilhões em crédito para a Safra 2016-2017
18 de Julho de 2016

Sicredi Sul libera R$ 6,10 bilhões em crédito para a Safra 2016-2017

Publicidade
Twitter Whatsapp Facebook

                
O Sicredi RS/SC vai liberar empréstimos na modalidade crédito rural para o Plano Safra 2016/2017. O montante anunciado represent 7,9% a mais sobre o ciclo anterior (2015/2016), com estimativa de realizar mais de 130 mil operações. 

Segmentos atendidos
Do total de R$ 6.10 bi, R$ 4,85 bilhões vão para custeio, comercialização e investimento em linhas do Pronaf, do Pronamp, e voltadas aos demais produtores. O restante, R$ 1,25 bilhão, será direcionado a operações com o BNDES aos mercados gaúcho e catarinense.

Publicidade

No fechamento estimado do ciclo anterior (Safra 2015/2016), o Sicredi RS/SC totalizou mais de R$ 4,62 bilhões em crédito, provenientes de 120 mil operações realizadas de financiamentos. “O Sicredi se posiciona como parceiro de seus associados com a missão de entender suas necessidades e apoiar o financiamento da produção para um crescimento sustentável”, pondera o diretor executivo do Sicredi RS/SC, Gerson Seefeld.

Ao todo no Brasil, o Sistema Sicredi está disponibilizando R$ 10,6 bilhões em crédito rural para o novo ciclo Plano Safra 2016/2017, projetando atingir 185 mil operações, entre custeio e investimento. No fechamento consolidado nacional do ciclo Safra anterior (2015/2016), o Sistema Sicredi liberou mais de R$ 8,2 bilhões com 150 mil operações efetivadas.  

O planejamento dos recursos da instituição financeira cooperativa está em curso. O Sicredi aguarda a publicação das portarias de equalização de recursos pelo Governo Federal para definir qual montante da demanda dos seus associados poderá ser atendida com recursos controlados. 
O pequeno e médio produtor rural (agricultura familiar) segue como o segmento preponderantemente atendido pelo Sicredi. No ciclo 2015/2016, cerca de 70% das operações realizadas foram direcionados a esses públicos.
Atualmente, a carteira de Crédito Rural do Sicredi é de, aproximadamente, R$ 14,1 bilhões. Deste montante, cerca de 57% (R$ 8,1 bilhões) são direcionados para custeio, comercialização e investimento, por meio do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), do Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp) e aos demais produtores. Dos outros R$ 6 bilhões, 43% são liberados em operações com recursos do Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES) e do Fundo Constitucional do Centro-Oeste (FCO).

Agricultura Familiar: a missão constante de investimento do Sicredi.
Atualmente, no Brasil, cerca de 72% dos alimentos que chegam às mesas é produzido pela Agricultura Familiar, segundo dados da ONU. O segmento é um diferencial estratégico para o crescimento da competitividade do Brasil. 

No Rio Grande do Sul e Santa Catarina, a Agricultura Familiar representa para o Sicredi cerca de 71% das operações realizadas e 38% do total dos recursos liberados. “Somos uma das principais instituições financeiras desse segmento no Brasil e, no Rio Grande do Sul, justamente pela nossa identidade e origem com os valores e o entendimento das necessidades da agricultura familiar temos um olhar sempre muito cuidadoso com este segmento, pois é dele que grande parte dos alimentos que estão em nossas mesas depende”, ressalta Seefeld. 

Sicredi RS/SC
Reúne 42 cooperativas e 652 pontos de atendimento: 578 no RS e 74 em SC, atingiu até abril R$ 29,78 bilhões em ativos, registrando crescimento de 14,95% sobre igual período de 2015. Até o momento, somamos 1.652.813 associados. O patrimônio líquido ficou acima dos R$ 4,29 bilhões, representando uma evolução de 19,6% sobre o ano passado. Os depósitos totais cresceram 19,0%, somando mais de R$ 16,82 bilhões No RS, o Sicredi é a única instituição financeira em 113 municípios e em 3 município de SC.

Publicidade
Publicidade