Publicidade
Imobiliária de Joinville preparada para um 2024 disruptivo e extraordinário
30 de Janeiro de 2024

Imobiliária de Joinville preparada para um 2024 disruptivo e extraordinário

EDebates sobre comunicação assertiva, estratégias para negociações vitoriosas, conversão de leads e até gestão de conflitos tiraram da zona de conforto os quase 200 profissionais que integram o time da Anagê Imóveis, em Joinville (SC). Toda essa movimentação foi pauta do Anagê Talks, evento que analisou cenários e desafiou os participantes a tornar a jornada do cliente ainda mais completa e eficaz. Ingrid Lessa, que é mentora e palestrante especializada no mercado imobiliário, foi quem conduziu as pautas. Sua fala validou a importância da interação e da construção de relacionamentos positivos com clientes e prospects, o que gera confiança, segurança e resultado. “A partir da comunicação assertiva, agregamos valor à experiência do cliente. É sobre escutar, ter empatia, gerar conexão, contornar objeções e entregar solução”, detalha a palestrante. Indicadores da Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (ABRAINC) e FIPE confirmam que a venda de imóveis residenciais subiu 14,4% em 2023. Essa informação vem ao encontro da fala do Diretor Administrativo e Financeiro da Anagê, Rodrigo Manteuffel Alves, que projeta para 2024 um ano de crescimento sustentável. “Lapidamos nossas entregas a partir de indicadores de desempenho e qualificação dos processos. Sim, em 2024 nós vamos crescer e alcançar novos patamares”, reitera Rodrigo. Cátia Erhart, que integra o time de gestores como Diretora de Locação, destaca que 2023 foi um ano positivo, marcado por importantes investimentos em estrutura, pessoal e treinamento. “A Anagê é cada dia mais forte. Ao preparar o colaborador para a comunicação assertiva, agregamos valor ao relacionamento com o cliente. Além de melhorar as entregas, potencializamos resultados”, reforça. Roseli Capelletti Pereira, que responde pela diretoria de Vendas, afirma que em 2023 todas as equipes cumpriram o desafio de aumentar o ticket médio e que a meta agora é ampliar o time de corretores. “Estamos receptivos para profissionais em busca de um novo desafio!”, argumenta. Ela descreve um movimento positivo do mercado, que ganha força em todo o país, a transição de carreira de diversos profissionais – como, por exemplo, engenheiros, arquitetos e administradores – que ampliam seus rendimentos e satisfação profissional ao atuarem como corretores de imóveis. “O que esse profissional precisa? Espírito empreendedor e tino comercial!”, defende Roseli. O Diretor-presidente da Anagê Imóveis, Anagê Alves, enfatiza mais uma questão sobre o mercado imobiliário local. “Joinville é uma cidade de excelentes oportunidades. Diferenciais como a proximidade das praias e a qualidade de vida atraem pessoas de todos os Estados e até do exterior. Também grandes empresas, indústrias e o setor de prestação de serviços que cresce e ganha força – atraindo investidores”, argumenta. Outro ponto que o Diretor-presidente ressalta é a queda da taxa Selic, que vem facilitando o acesso ao mercado imobiliário. No encerramento, Anagê Alves reitera que Joinville e o litoral Norte de Santa Catarina têm localização estratégica e belezas naturais. Fala da infraestrutura rodoviária e da proximidade de quatro aeroportos – Curitiba, Joinville, Navegantes e Florianópolis – características que fomentam o fluxo turístico e refletem no crescimento do mercado imobiliário. “Teremos novidades em 2024, especialmente na área de lançamentos. É um projeto ambicioso que, em breve, apresentaremos à comunidade”, finaliza Anagê. Você conhece a Anagê? Há 35 anos em Joinville, a Anagê Imóveis – maior imobiliária da cidade – conta com quase 200 profissionais, experientes e qualificados, que trabalham em prol da excelência no serviço de locação e venda de imóveis.specialistas preveem um ano aquecido, com excelentes oportunidades em Santa Catarina

Publicidade
Twitter Whatsapp Facebook

Debates sobre comunicação assertiva, estratégias para negociações vitoriosas, conversão de leads e até gestão de conflitos tiraram da zona de conforto os quase 200 profissionais que integram o time da Anagê Imóveis, Imobiliária de Joinville.

Toda essa movimentação foi pauta do Anagê Talks, evento que analisou cenários e desafiou os participantes a tornar a jornada do cliente ainda mais completa e eficaz.

Publicidade

Ingrid Lessa, que é mentora e palestrante especializada no mercado imobiliário, foi quem conduziu as pautas. Sua fala validou a importância da interação e da construção de relacionamentos positivos com clientes e prospects, o que gera confiança, segurança e resultado. “A partir da comunicação assertiva, agregamos valor à experiência do cliente. É sobre escutar, ter empatia, gerar conexão, contornar objeções e entregar solução”, detalha a palestrante.

Indicadores da Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (ABRAINC) e FIPE confirmam que a venda de imóveis residenciais subiu 14,4% em 2023. Essa informação vem ao encontro da fala do Diretor Administrativo e Financeiro da Anagê, Rodrigo Manteuffel Alves, que projeta para 2024 um ano de crescimento sustentável. “Lapidamos nossas entregas a partir de indicadores de desempenho e qualificação dos processos. Sim, em 2024 nós vamos crescer e alcançar novos patamares”, reitera Rodrigo.

Cátia Erhart, que integra o time de gestores como Diretora de Locação, destaca que 2023 foi um ano positivo, marcado por importantes investimentos em estrutura, pessoal e treinamento. “A Anagê é cada dia mais forte. Ao preparar o colaborador para a comunicação assertiva, agregamos valor ao relacionamento com o cliente. Além de melhorar as entregas, potencializamos resultados”, reforça.

Roseli Capelletti Pereira, que responde pela diretoria de Vendas, afirma que em 2023 todas as equipes cumpriram o desafio de aumentar o ticket médio e que a meta agora é ampliar o time de corretores. “Estamos receptivos para profissionais em busca de um novo desafio!”, argumenta. Ela descreve um movimento positivo do mercado, que ganha força em todo o país, a transição de carreira de diversos profissionais – como, por exemplo, engenheiros, arquitetos e administradores – que ampliam seus rendimentos e satisfação profissional ao atuarem como corretores de imóveis. “O que esse profissional precisa? Espírito empreendedor e tino comercial!”, defende Roseli.

O Diretor-presidente da Anagê Imóveis, Anagê Alves, enfatiza mais uma questão sobre o mercado imobiliário local. “Joinville é uma cidade de excelentes oportunidades. Diferenciais como a proximidade das praias e a qualidade de vida atraem pessoas de todos os Estados e até do exterior. Também grandes empresas, indústrias e o setor de prestação de serviços que cresce e ganha força – atraindo investidores”, argumenta. Outro ponto que o Diretor-presidente ressalta é a queda da taxa Selic, que vem facilitando o acesso ao mercado imobiliário.

No encerramento, Anagê Alves reitera que Joinville e o litoral Norte de Santa Catarina têm localização estratégica e belezas naturais. Fala da infraestrutura rodoviária e da proximidade de quatro aeroportos – Curitiba, Joinville, Navegantes e Florianópolis – características que fomentam o fluxo turístico e refletem no crescimento do mercado imobiliário. “Teremos novidades em 2024, especialmente na área de lançamentos. É um projeto ambicioso que, em breve, apresentaremos à comunidade”, finaliza Anagê.

Anagê

Há 35 anos em Joinville, a Anagê Imóveis conta com quase 200 profissionais, experientes e qualificados, que trabalham em prol da excelência no serviço de locação e venda de imóveis.

Publicidade
Publicidade