Publicidade
FIN Brasil 2024 expande espaço de Santa Catarina no comércio internacional
13 de Dezembro de 2023

FIN Brasil 2024 expande espaço de Santa Catarina no comércio internacional

Encontro entre CEO e embaixadores abre oportunidade para empresários catarinenses aumentarem fluxos de negócios com maior variedade de países.

Publicidade
Twitter Whatsapp Facebook

O CEO da FIN Brasil e presidente da Câmara de Comércio Brasil-Portugal, Jatyr Ranzolin, está empenhado em construir novas pontes de colaboração para promover mais parcerias internacionais e expandir as oportunidades com Santa Catarina.

O desafio de criar um ambiente de diálogo e negócios contemplou uma série de visitas a embaixadores de diferentes países, durante a última semana, em Brasília. Jatyr conversou com representantes dos países Malta, Liga Árabe, Índia, Turquia, Vietnã, Armênia, Israel, Canadá, Palestina, Chipre, Peru, Camarões, Rússia e Indonésia. Ele teve a confirmação de que grande parte dessas nações, interessadas em estreitar o comércio com Santa Catarina, estará presente na próxima edição da FIN (Feira Internacional de Negócios), que será realizada entre os dias 03 e 04/04, no CentroSul, em Florianópolis.

Publicidade

Esq. para dir.: Jatyr Ranzolin, CEO FIN Brasil 2024, e Bui Van Nghi, embaixador do Vietnã.

Feedback de embaixadas:

Durante a reunião com John Aquilina, embaixador de Malta, houve o interesse do arquipélago em fomentar parcerias com universidades. Objetivo semelhante foi expresso por Qais Marouf Kheiro Shqair, embaixador da Liga Árabe.

No encontro com o vice-chefe da missão diplomática indiana em Brasília, B.C. Pradhan demonstrou disposição para negociar com setores farmacêutico, têxtil, petrolífero, de TI, manufatura, agricultura e gás. Duta Besar Edi Yusup, embaixador da Indonésia, também abordou a tecnologia como fonte de novos negócios com Santa Catarina.

Turquia,representada pelo embaixador Halil İbrahim Akça, destacou o segmento da pecuária, especialmente frango e bovino, além de infraestrutura e desenvolvimento de software.

Bui Van Nghi, embaixador do Vietnã, também mencionou foco na pesquisa e tecnologia, além das áreas do turismo, da construção civil e da madeira. O embaixador pretende visitar Santa Catarina para conhecer de perto as oportunidades comerciais com o Estado.

Parcerias para a área educacional, de comércio e turismo também foram citadas pelo embaixador do Chipre, Vasilios Philippou, que visitou recentemente o Estado e confirmou presença na FIN 2024.

Jatyr Ranzolin, afirma: “Santa Catarina tem muito a oferecer, desde produtos agrícolas de alta qualidade até avanços inovadores em setores como tecnologia e manufatura. A diversidade da economia catarinense cria uma base sólida para uma cooperação ampla e mutuamente benéfica com muitos países”.

Fluxos de negócios: Segundo o Observatório FIESC, no terceiro trimestre de 2023, Santa Catarina exportou US$ 3 bilhões em mercadorias, o que representou queda de 10,1% na análise interanual. Mesmo com o recuo, o montante é o segundo maior para o trimestre na série histórica, atrás apenas do mesmo período do ano passado.

O relatório aponta que a queda no trimestre está associada à desaceleração econômica dos principais parceiros comerciais do Estado, como Estados Unidos, China, Argentina e União Europeia. Os produtos mais vendidos para o exterior foram carnes de aves, carne suína, soja, partes de motor e móveis.

Do ponto de vista das importações, ainda de acordo com a FIESC, Santa Catarina registrou montante de US$ 7,3 bilhões no terceiro trimestre, o que representou uma queda de 7,7% em relação ao mesmo período em 2022. No entanto, as compras externas se mantiveram acima de US$ 7,0 bilhões, valor conquistado a partir de 2022.

Entre os principais produtos importados estão cobre refinado, partes e acessórios para veículos, veículos, pneus de borracha e polímeros de etileno. As principais origens de importação no terceiro semestre foram China, Estados Unidos, Chile e Argentina. Houve crescimento das compras oriundas da Itália, Alemanha e França, sobretudo do setor de fármacos.

Esq. para dir.: Dhanny Arifin, chefe do Departamento Econômico da Indonésia, Duta Besar Edi Yusup, embaixador, Jatyr Ranzolin, CEO FIN Brasil 2024, e Luiz Matheus, coordenador de relações internacionais da FIN Brasil.

Esq. para dir.: Jatyr Ranzolin, CEO FIN Brasil 2024, e Bui Van Nghi, embaixador do Vietnã.

Publicidade
Publicidade