Publicidade
Empreende Brazil 2024: experiência repleta de muito aprendizado e boas conexões
28 de Maio de 2024

Empreende Brazil 2024: experiência repleta de muito aprendizado e boas conexões

Como esperado, Paulo Guedes ministrou uma aula focada nas oportunidades e desafios da economia no Brasil

Publicidade

 

Publicidade

Sem dúvida nenhuma, o Empreende Brazil Conference consolida-se como um dos maiores e principais eventos realizados na Grande Florianópolis. A 10ª edição, realizada na Arena Opus, em São José, foi um show de organização, conteúdo e boas oportunidades de conexão entre os mais de seis mil participantes.

Tive a oportunidade de participar dos dois dias de evento e me dividi entre a escuta das palestras da arena principal e a tentativa de acompanhar um pouco a excelente programação paralela das outras salas.

A abertura com a comunicadora Gabriela Prioli deu um tom do que estava por vir. Com simpatia, ela propôs aos empreendedores presentes reflexões sobre a importância de arriscar e não ter medo de errar. “Para crescer tem que ousar!”, destacou.

Na sequência, João Branco, ex-VP de Marketing do McDonalds Brasil, defendeu a “desmarketização” e advertiu: “é impossível agradar a todos os clientes!” À plateia atenta, ele perguntou: o que só você faz pelo seu cliente que fará com que ele sinta falta caso sua empresa, sua marca ou seu produto deixe de existir?

Quem aqueceu o público foi o mentor, estrategista digital e empresário, Pablo Marçal, ao lançar códigos de conduta empreendedora e também dar umas pitadas sobre o contexto político do Brasil.

O mestre das Finanças e Educador Empresarial, Gustavo Cerbasi, falou sobre escolhas inteligentes para o seu bolso e sua vida, mas também observou sobre a importância de uma boa comunicação. “Qualquer negócio, não importa se é vendido um produto ou um serviço, ele vai ser melhor se o consumidor for ouvido. Geralmente o consumidor é ignorado quando esse negócio tem muitos problemas burocráticos para serem resolvidos, negócios que não foram bem organizados e fazem com que todos os tomadores de decisão estejam lá nos bastidores, ou negociando com o banco, ou quebrando o pau com o fornecedor, ou tentando resolver maneiras de equilibrar o seu caixa. A partir do momento que essa empresa está bem organizada, é como um avião que está com seus equipamentos todos funcionando em dia. O piloto, o comandante coloca o piloto automático em funcionamento e pode até dormir no comando que o avião não vai cair. Agora a maioria das empresas está funcionando com o piloto automático.”

A programação também teve Carlos Wizard, fundador da Wizard e Líder Humanitário, em dobradinha com Erica Belon, doutora em Administração de Negócios e Empresária. O prefeito de Florianópolis, Topázio Neto, falando sobre Inovação na Gestão Pública, principalmente na forma como comunicar as realizações da administração.

Como a IA impulsiona produtividade em novos negócios foi o tema da apresentação da Vice-presidente da Microsoft Brasil, Andrea Cerqueira. Intitulado o maior vendedor do mundo segundo o Guinnes Book, Ricardo, Nunes, fundador da Ricardo Eletro e Grupo R1, também deu seu show no palco.

Também presente no evento, o governador Jorginho Mello destacou a vocação empreendedora de Santa Catarina. Ele enfatizou que o estado é um polo de inovação, com um ecossistema robusto que inclui startups, incubadoras e aceleradoras. O governador falou ainda sobre os esforços do Governo para apoiar os empreendedores, mencionando programas de incentivo fiscal, investimentos em infraestrutura e parcerias com instituições de ensino e pesquisa. O momento da palestra do Governador que merceu aplausos entusiasmados foi quando ele disse que Santa Catarina é o estado com menor índice de Bolsa Família e o maior índice de trabalhadores com Carteira Assinada. Na coletiva de imprensa o editor do AcontecendoAqui, Jailson de Sá, perguntou ao governador as mudanças recentes nas direrizes da Comunicação de seu governo

Uma das estrelas do evento foi o ex-ministro da Economia, Paulo Guedes, que falou sobre as oportunidades e desafios da economia no Brasil. Ele deu uma aula de geopolítica e dos impactos que guerras tem no ambiente econômico.

Em um dos talks sobre a arte e o empreendedorismo, os atores, Deborah Secco e Malvino Salvador, que são sócios na “Mais Cabello”, trocaram reflexões com Lucas Schweitzer, Fundador Empreende Brazil e CEO LS Holding.

Encerrado o evento, ficaram as lições e reflexões ouvidas sobre o universo do empreendedorismo e o quanto encontros como esse podem ser a virada de chave para muitos dos empreendedores participantes. Um insight ouvido ou uma troca de cartões de visita ou de WhatsApp podem significar a transformação ou o crescimento de um negócio.


Colaboração do jornalista João Paulo Borges

Publicidade
Publicidade