Publicidade
Coluna Ozinil Martins | Os atos mostram as intenções!
17 de Janeiro de 2024

Coluna Ozinil Martins | Os atos mostram as intenções!

Aposentados que ganham mais de 1 salário mínimo receberam um aumento em suas aposentadorias de 3,71%

Publicidade
Twitter Whatsapp Facebook
Por Prof. Ozinil Martins de Souza 17 de Janeiro de 2024 | Atualizado 17 de Janeiro de 2024

Recentemente o Brasil foi surpreendido com falas e atos de ministros e líderes governamentais que escancaram, ou por desconhecimento ou por má-fé, o que pensam e fazem no país de Macunaíma.

Primeiro há que se ressaltar a ação, rápida e nefasta, do Ministro da Previdência Social Sr. Carlos Lupi, que em seu primeiro ato como coordenador da pasta, auto nomeouse membro do conselho fiscal do Sesi com vencimento mensal de R$ 3,5 mil, por reunião realizada. Enquanto isto os aposentados que ganham mais de 1 salário mínimo receberam um aumento em suas aposentadorias de 3,71%.

Publicidade

Por outro lado declaração feita pela Ministra Anielle Franco seria hilária não demonstrasse uma profunda ignorância ou má-fé; sobre as chuvas que caíram de forma constante e pesada sobre o Rio de Janeiro no último final de semana, disse ela: “Isto acontece porque as pessoas não têm as mesmas condições de moradia, saneamento, infraestrutura e nos locais mais fortemente atingidos a maioria da população é negra. Isto faz parte do que a gente chama de racismo ambiental.

A afirmação da Ministra peca apenas em não nominar o descaso das administrações estaduais e municipais do Rio de Janeiro. É uma questão de gestão e administração do dinheiro público. O Instituto Trata Brasil divulgou a relação das 20 cidades melhores situadas em termos de atendimento à população no tocante a saneamento básico e, São Paulo tem 8 cidades entre as 20 e o Paraná 6 cidades elencadas. O Rio de Janeiro só Niterói. E, como fica a situação entre os 20 piores elencados? O Rio de Janeiro tem 4 cidades elencadas entre as 20 piores, todas na baixada fluminense. Parece que a Ministra tem que procurar os culpados dentro do próprio Estado e, se possível, nominá-los para que o povo saiba em quem não votar.

O Senador pelo Amapá, Randolfe Rodrigues, ao ter o voo cancelado na última segunda-feira em função do mau tempo, resolveu botar a boca no trombone contra a privatização do aeroporto. O senador alertou que vai acionar a ANAC e a AGU e, buscar o rompimento do contrato e a volta da administração para a Infraero. Talvez o senador já tenha nomes para ser indicados para a administração do aeroporto.

Ontem o governo federal lançou o programa que visa diminuir a evasão no ensino médio. 200 reais serão pagos, mensalmente, a cada estudante. Lembro que outras instituições já utilizam esta prática e os resultados são ruins. Há tempos fiz uma palestra em uma destas instituições e fui comunicado antes sobre o fato dos alunos terem incorporado a renda extra ao orçamento familiar e que o ensino ficara em segundo plano. Como a palestra era para os pais pediram-me para chamar a atenção para o fato, o que fiz. Penso que será dinheiro jogado fora e que os estudantes usarão para outras finalidades. Não seria melhor o governo pensar em novas metodologias, em despertar o interesse dos estudantes. Em transformar a sala de aula em ambiente de aprendizagem e não de doutrinação?

O Governo de São Paulo está dando um bom exemplo no campo da Educação. Serão ofertadas 70 mil bolsas para estudantes que queiram aprender inglês; os mil melhores avaliados receberão bolsas em 5 países de língua inglesa e lá permanecerão até 6 meses. 15 mil professores poderão participar do programa.

Exemplos diferentes que mostram as orientações ideológicas diferentes; uma nos remete ao futuro e a outra ao passado!

 Foto: Freepik

Publicidade
Publicidade