Publicidade
ERP em cloud é eficiência para os processos e estímulo aos resultados
11 de Maio de 2022

ERP em cloud é eficiência para os processos e estímulo aos resultados

Ao armazenar dados em cloud, a empresa prioriza inovação e modernidade

Publicidade
Twitter Whatsapp Facebook

 

Flexibilidade, agilidade, controle e segurança das informações confirmam o ERP em nuvem, ou armazenamento em cloud, como um investimento indispensável na rotina das empresas, que otimiza e gera eficiência aos processos, além de potencializar os resultados.

Publicidade

A justificativa é clara! Em nuvem, há possibilidade inclusive de armazenar sistemas em duplicidade, ou seja, de manter cópias de segurança. Assim, o risco de perdê-los é reduzido quase que em sua totalidade.

Por isso, ao definir um provedor adequado, o ambiente do Cloud ERP se torna tão ou até mais seguro que o armazenamento em um servidor local; e ainda acrescenta vantagens, como economia, acesso remoto, escalabilidade, redução no tempo de atualização e agilidade na instalação de recursos.


Inovador e moderno

Ao armazenar dados em cloud, a empresa prioriza inovação e modernidade, o que amplia sua relevância perante o mercado. Também possibilita o acesso a avanços tecnológicos, como mobilidade, Inteligência Artificial, IoT e Business Intelligence.

Everton Silva, sócio da ÁXE Tecnologia e consultor SAP Business One, destaca que o mercado disponibiliza diversas opções de ERP em nuvem, que se diferenciam pela usabilidade, pelo baixo investimento inicial e por apresentar resultados expressivos já no início das operações. Entre as soluções mais conhecidas e bem avaliadas pelo mercado, ele evidencia o SAP Business One e, para solução de BI, o Tableau.


Diferencial e referência

Ao avaliar a operacionalização do ERP SAP Business One, Everton ressalta diferenciais como a transparência dos negócios e o controle sobre a dinâmica das operações. Ele reforça que os custos e a infraestrutura são bastante reduzidos em relação a opções semelhantes disponíveis no mercado. “O usuário paga apenas pelo que consome e não há necessidade de investimentos em hardware ou rede”, argumenta.

Ao citar uma plataforma de análise de dados que pode ser hospedada em cloud, o especialista exemplifica com o Tableau. Ele destaca que o usuário se libera da preocupação com a configuração de servidores, com o gerenciamento de atualizações de software ou com o escalonamento de capacidade de hardware. “A plataforma personaliza e compartilha tanto painéis como dados, com visualizações interativas, inclusive em dispositivos móveis”, afirma.

E o especialista reitera que tanto o Tableau como o SAP Business One são soluções que recebem com frequência altos investimentos em pesquisa e no seu aprimoramento, o que as mantém como referências mundiais.

Publicidade
Publicidade