Publicidade
Campanha do McDonald’s traz Luísa Sonza, Ludmilla e outros artistas contando qual é a Méquizice favorita
12 de Janeiro de 2022

Campanha do McDonald’s traz Luísa Sonza, Ludmilla e outros artistas contando qual é a Méquizice favorita

A campanha, assinada pela agência Galeria, já está disponível nas redes sociais do McDonald’s

Publicidade
Twitter Whatsapp Facebook

O McDonald’s convidou Luísa Sonza, Ludmilla, Simone & Simaria e Jorge & Mateus, para dividirem quais são as suas Méquizices e mostrarem que os artistas mais ouvidos no Brasil também sabem matar a Fome de Méqui com estilo.

A campanha chega com artistas fortes e populares entre os jovens, mostrando a afinidade que o Méqui tem com a cultura pop e o universo da música, além de estreitar o relacionamento da marca com esse público estratégico.

João Branco, VP de Marketing do McDonald’s Brasil diz que, “Não importa se você está cantando na plateia ou em cima do palco, quando chega o momento de matar a fome de Méqui, cada um tem sua maneira única de se deliciar com nossos produtos. Percebemos que essas manias precisavam ser traduzidas e assim nasceu o conceito de Méquizice. Com essa nova fase de nossa campanha, além de curtir o Méqui do seu jeito, você pode se inspirar e experimentar a Méquizice do seu ídolo”.

Luísa turbina seu Quarterão colocando McFritas Cheddar e Bacon dentro do sanduíche e Lud coloca ketchup em tudo! Simaria ama molhar suas McFritas crocantes no Sundae de Caramelo e Simone adora lambuzar seu Cheeseburger no molho Barbecue, mostrando que as coleguinhas não estão pra brincadeira. Além disso, um McChicken recheado com Chicken McNuggets e cheio de mostarda é a marca registrada de Jorge. E sua dupla, Mateus, não abre mão do seu combo do coração: McShake de Morango acompanhado de um clássico Big Mac.

“Minha primeira história com o Méqui é muito legal! Até os meus 17 anos morei numa cidade de 8 mil habitantes que não tinha McDonald’s – nem lá e nem próximo. Sonhava em comer Méqui até que fui visitar um tio meu em Curitiba e consegui ir ao restaurante. Pedi uma McFritas grande, comi, tirei mil fotos e, boba nem nada, guardei a caixinha para levar lá pro interior onde não tinha McDonald’s. E o que eu fazia? Pedia pro meu pai e a minha mãe fazer batata frita para comer na caixinha! Porque nada me faria parar de comer McDonald’s, mesmo que eu estivesse longe de um – e que o gosto da batata não fosse o mesmo… Uma pena. Mas tudo bem, a gente fingia que era”, comenta Luísa Sonza.

Confira o vídeo da campanha abaixo:

 

Publicidade
Publicidade