Área de comunicação traz inúmeras possibilidades de carreira para o profissional de propaganda

21 de Janeiro de 2020

Publicitária do segmento de Comunicação Interna e Endomarketing dá dicas sobre o assunto

Quando pensamos em publicidade, a primeira coisa que nos vem à mente são os grandes comerciais veiculados na TV ou em outdoors com famosos. No entanto, a área de publicidade é extremamente abrangente, o que permite ao profissional trabalhar em diversos setores que vão além das agências especializadas no segmento, como ressalta a publicitária Renata Braz, Planner da P3K Comunicação Estratégica Interna & Endomarketing: “Publicidade é horizonte, e dá para perder de vista! Você pode roteirizar, ilustrar, criar, planejar, vender, parodiar, relacionar, ser on ou off-line. Pode gerir e inovar. Quando sua base é a comunicação social o caminho é bem amplo”.

Há 14 anos na área, Braz é uma das profissionais que saíram da direção óbvia e trilharam carreira na área de Comunicação Interna e Endomarketing, atendendo empresas de diversos segmentos, e tendo como público-alvo, em especial, os colaboradores. “Trazer a linguagem publicitária para o ‘corporativês’ é uma arte capaz de gerar interesse por parte do público — um desafio extremamente prazeroso criar com originalidade, utilizando ‘luz, câmera e ação’, e menos clichês corporativos para a Comunicação Interna & Endomarketing”, explica a profissional.

Àqueles que pretendem cursar publicidade ou já estão cursando, mas com dúvidas quanto à carreira, a publicitária dá algumas dicas:

  • Amplie seu repertório – Ser curioso e abrir a mente são características essenciais para prestar um serviço original, portanto, leia bastante, viaje e aproveite todas as possibilidades de viver novas experiências, pois tudo é aprendizado;
  • Exerça a empatia – Compreender as emoções e ações de terceiros é fundamental para executar trabalhos que alcancem os objetivos;
  • Imagens e textos – Lembre-se de que o ditado “uma imagem vale mais que mil palavras” é totalmente verdadeiro, assim como, texto bom também é texto curto. Tenha sempre em mente que há inúmeras formas de criar conteúdo com profundidade para o relacionamento entre a empresa e seus colaboradores.

 

Por fim, Renata Braz conclui que “Na comunicação uma história com uma boa narrativa, bem contada e amarrada é irresistível! Há muita coisa para ser feita, recriada e inovada”.