Publicidade
NEO é escolhida entre as 5 empresas mais inovadoras do setor de Serviços em ranking no Prêmio Valor Inovação Brasil 2021
05 de Novembro de 2021

NEO é escolhida entre as 5 empresas mais inovadoras do setor de Serviços em ranking no Prêmio Valor Inovação Brasil 2021

Publicidade
Twitter Whatsapp Facebook

 

A NEO, uma empresa com mais de 20 anos de atuação no setor de Atendimento e Serviços, no ano passado tomou a decisão estratégica de atuar na área de Transformação Digital e passou a oferecer, além dos serviços tradicionais de BPO (Bussiness Processing Outsourcing), consultoria e oferta de produtos e serviços digitais baseados em Inteligência Artificial para seus mais de 100 clientes.

Publicidade

Passando a atuar como uma startup, tornou-se em tão pouco tempo uma das principais empresas de tecnologia e inovação do País e acaba de ser reconhecida na 7ª edição do Prêmio Valor Inovação Brasil 2021, realizado pela Strategy & – consultoria estratégica da PwC – e o Jornal Valor Econômico, como uma das empresas mais inovadoras na categoria Serviços.

A companhia conquistou a 4ª posição na categoria Serviços e ficou em 76º lugar na categoria Geral entre as 150 empresas mais inovadoras de todo o Brasil.

Nos últimos dois anos a empresa investiu fortemente no seu portfólio de soluções digitais, realizando grandes investimentos na contratação de novos talentos. Além disso, vem investindo na aquisição de startups de alta tecnologia.

Segundo Eraldo de Paola, CEO da NEO, “este prêmio reflete o trabalho consistente de reposicionamento que a empresa vem fazendo para atender às atuais demandas do mercado e se consolidar como o parceiro que faz a transformação digital do atendimento aos Clientes dos nossos Clientes. Inclusive, muitos deles já foram premiados nos seus respectivos setores, usando nossos produtos e serviços digitais”.

Ainda segundo o CEO, “ser considerada uma das melhores empresas no setor de Serviços do País nos dá muito orgulho e traz o reconhecimento dos esforços dos acionistas e de todos os colaboradores”, afirma.

Publicidade
Publicidade