Publicidade
Fapesc encerra 2021 com investimento três vezes maior que ano anterior
03 de Janeiro de 2022

Fapesc encerra 2021 com investimento três vezes maior que ano anterior

Fundação investiu quase R$ 154 milhões em pesquisa e inovação

Publicidade
Twitter Whatsapp Facebook

A Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc) divulgou recentemente os dados do balanço de 2021. De acordo com a fundação, o investimento chegou a R$ 153.467.400,00 – o que representa três vezes mais do que o ano anterior. O valor é referente aos editais lançados e que serão executados ao longo dos próximos anos. Além de inédito, esse montante vai permitir a realização de novos projetos de ciência, tecnologia e inovação (CTI) em todas as regiões do Estado.

Outro destaque de 2021 foi o número de editais: 49 chamadas públicas no começo de dezembro. Em 2020, a quantidade já havia sido inédita, com 34.

Investimento recorde em bolsas

A Gerência de Eventos em CTI, também responsável pelas bolsas de pesquisa e desenvolvimento tecnológico e de inovação, lançou 20 editais ao longo do ano, resultando em um investimento de R$ 104.424.400,00. O valor é R$ 850% a mais do que o aplicado no ano passado.

A novidade de 2021 ficou por conta do lançamento do Programa Gente Catarina, também do Governo do Estado e que envolve diferentes secretarias. O objetivo é combater a desigualdade entre os municípios e melhorar a qualidade de vida das pessoas. A Fapesc contribuiu com bolsistas qualificados para ajudar na execução desses projetos. São profissionais de diferentes áreas atuando em sete cidades.

Prestes a completar 25 anos, a Fapesc também investiu em gerar indicadores do impacto dos investimentos feitos ao longo destes anos em ciência, tecnologia e inovação. Para isso, lançou um edital para mapeamento do ecossistema de CTI. Serão publicados 25 livros que abordarão aspectos distintos, incluindo o trabalho realizado pela própria fundação.

Inovação: lançamento de novos programas

A Inovação recebeu o maior investimento dos últimos anos da Fapesc, especialmente com o lançamento de novos programas. Ao todo, foram 10 editais, resultando na disponibilização de R$ 27.387.000,00 ao longo de 2021.

Ciência: novos editais e suplementação dos anteriores

Os investimentos em ciência e pesquisa ao longo de 2021 fecharam um importante ciclo iniciado em 2020. Só neste ano, foram lançados 19 editais, somando R$ 21.656.000,00. Porém, foram realizadas suplementações às chamadas públicas de destaque no ano passado, como o Programa de Pesquisa Universal e aos estudos de Covid-19.

Para o presidente da Fapesc, Fábio Zabot Holthausen, o ano de 2021 foi positivo para a fundação, apesar de todos os efeitos da Covid-19. “Nós tivemos o maior investimento da história. Esse investimento reflete o valor que o Estado estabelece para esse ecossistema. Mostra a relação que o Governo do Estado e a Fapesc estão criando com as universidades, com as empresas e com todo o setor produtivo”, reafirma.

Publicidade
Publicidade