Canal de TV fica sem apresentador em ação que alerta sobre casos de pessoas desaparecidas

21 de Agosto de 2015

O Canal 12 da Rússia realizou uma ação para alertar a população sobre o problema de pessoas desaparecidas e a importância de comunicar o fato às autoridades. Só na cidade russa de Omsk, desde o início deste ano 529 pessoas desapareceram.

A emissora regularmente exibe histórias sobre pessoas desaparecidas, mas os casos acabam não chamando tanta atenção. Pensando em dar destaque para este problema, o canal 12 teve a ideia de fazer com que um de seus apresentadores simplesmente desaparecesse. A imagem da redação com a cadeira vazia foi ao ar durante todo o dia, chamando atenção do público, que compartilhou a notícia na internet, realizou mais de 200 ligações para a emissora, e fez com que a ação fosse destaque em noticiários - chegando ao alcance de mais de 1 milhão de pessoas no total.

De acordo com o Ads of the World, a agência responsável pela criação da ação é a kopernik, de Omsk, na Rússia.

Confira: