Publicidade
Programa Cocreation Lab seleciona 10 ideias com potencial para se transformar em negócio
26 de Julho de 2023

Programa Cocreation Lab seleciona 10 ideias com potencial para se transformar em negócio

Inscrições estão abertas até o dia 31/7

Publicidade
Twitter Whatsapp Facebook

10 ideias

Para contribuir com um desenvolvimento sustentável da capital catarinense – que passou de 421 mil para 574 mil habitantes na última década – o Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Santa Catarina (CAU/SC) está apoiando o Cocreation Lab Arquitetos, realizado a partir de uma parceria entre a FIESC, a Secretaria Municipal de Planejamento e Inteligência Urbana da Prefeitura Municipal de Florianópolis e o SEBRAE/SC.

Publicidade

O programa é inédito, e vai selecionar 10 ideias com potencial para se transformar em negócio. A participação é 100% gratuita e as inscrições podem ser feitas até o dia 31/7.

Capacidade empreendedora

Durante cinco meses, equipes lideradas por arquitetos, com até cinco integrantes, vão validar as suas ideias de negócio e potencializar a sua capacidade empreendedora, culminando numa empresa estruturada, mais competitiva e com maiores chances de sucesso.

Oferecido com a metodologia TXM Business, o programa será em formato híbrido, com aulas, mentorias e workshops conduzidos numa plataforma exclusiva. Os encontros presenciais são no bairro Campeche, em Florianópolis. Nesta edição, temas como a Habitação de Interesse Social e o Plano Diretor de Florianópolis terão prioridade na seleção, lembrando que o arquiteto responsável pela equipe deverá ter registro ativo no CAU/SC.

CEO da TXM Methods, o professor Luiz Salomão Ribas Gomez destaca o sucesso da formação similar, em Brasília. “Acabamos de concluir uma parceria com o CAU/DF, onde tivemos excelentes resultados. Encerramos o processo com 14 propostas, o que sinaliza que quase não houve desistências e que os projetos já chegaram com muita capacidade de prosperar no mercado. Esperamos que o mesmo aconteça em Santa Catarina”.

Para Patrícia Sarquis Herden, presidente do CAU/SC, “o domínio da área técnica e a sensibilidade na área humana dão aos arquitetos e urbanistas um atributo único, de conceber cidades que respeitam as pessoas. Como pivôs do progresso na dimensão urbana, antes de executar a construção de uma obra nossa rotina é questionar, pensar, projetar, e o Cocreation Lab vai ser um efetivo laboratório para testar soluções inovadoras”, resume, certa de que o programa é uma oportunidade única para os profissionais da área.

Michel Mittmann, Secretário de Planejamento e Inteligência Urbana de Florianópolis, reitera a importância dos arquitetos no desenho das cidades. “Nosso esforço é pra que sejam mais inclusivas, pois elas são o local do encontro, da ideia, do debate e da interação social. O amadurecimento do modelo, para uma cidade mais justa e eficiente, passa pelo fortalecimento das políticas de habitação social. Neste contexto, o olhar questionador, propositivo e inovador dos arquitetos é peça fundamental”.

O início das aulas está previsto para 15 de agosto e além das atividades coletivas as equipes terão mentores dedicados, auxiliando no desenvolvimento dos projetos.

Publicidade