Publicidade
Jornal ND realiza debate gratuito na capital catarinense
25 de Setembro de 2023

Jornal ND realiza debate gratuito na capital catarinense

O 4º seminário aborda sobre o papel da prevenção

Publicidade

O 4º seminário organizado pelo Jornal ND tem como principal temática a prevenção como o futuro da saúde. O objetivo é apresentar dados sobre o estado da saúde em Santa Catarina e destacar o papel da prevenção na melhoria da qualidade de vida das pessoas, além de sua importância na sustentabilidade dos sistemas de saúde, tanto públicos quanto privados.

Na próxima terça-feria, dia 26/9, a partir das 14h, a ACM (Associação Catarinense de Medicina) será o local onde ocorrerá essa discussão. Este seminário marca a celebração dos 17 anos do Jornal ND e coloca em destaque o tema “O Futuro da Saúde é a Prevenção”. As inscrições estão disponíveis e podem ser feitas gratuitamente até o dia do evento.

Publicidade

O evento levantará questões cruciais relacionadas à saúde dos catarinenses, incluindo a prevalência de doenças em diferentes regiões do estado e os hábitos de vida que afetam o bem-estar físico e mental dos residentes de Santa Catarina. Essas questões foram exploradas no Mapa de Risco da Saúde dos Catarinenses, desenvolvido pela ACM como parte de esforços para contribuir com o desenvolvimento de políticas de saúde eficazes no estado.

O Mapa de Risco tem como objetivo auxiliar gestores de saúde, tanto no setor público quanto privado, bem como instituições civis e empresas interessadas em promover medidas preventivas e cuidados para melhorar a qualidade de vida em Santa Catarina.

Começando às 14h, o seminário conta com uma divisão de duas partes. A 1º parte se concentrará nos dados coletados no Mapa de Risco, enquanto a 2º abordará três áreas específicas: saúde bucal, saúde mental e dermatologia.

O presidente da ACM, Dr. Ademar José de Oliveira Paes, enfatiza a importância da prevenção na saúde da população e destaca a necessidade de agir além das palavras. Ele reforça que a ACM está comprometida com o bem-estar da população e busca estabelecer um modelo sólido de prevenção e promoção da saúde, visando servir como exemplo para o Brasil.

Os palestrantes incluirão o Dr. Ademar José de Oliveira Paes Junior, presidente da ACM; Dr. Luiz Alberto da Silveira, oncologista; Prof. Dr. Vanderlim Branco Camargo, cirurgião dentista; e Sendi Lopes, gerente executiva de Saúde e Segurança do SESI/SENAI SC.

O Mapa de Risco foi desenvolvido em colaboração com o Instituto Mapa, com o apoio de sociedades e departamentos de especialidades médicas, bem como regionais médicas associadas à ACM em todo o estado. A pesquisa seguiu estritamente as normas éticas e práticas de pesquisa, envolvendo uma amostragem diversificada de homens e mulheres com 18 anos ou mais, de todas as classes econômicas.

Foram realizadas mais de 2.500 entrevistas pessoais em várias localidades selecionadas nas 20 microrregiões do estado, com o objetivo de identificar a incidência e distribuição dos principais fatores de risco e proteção para doenças crônicas não transmissíveis na população adulta, levando em consideração sexo, idade, escolaridade e condição socioeconômica.

Publicidade
WhatsApp
Junte-se a nós no WhatsApp para ficar por dentro das últimas novidades! Entre no grupo

Ao entrar neste grupo do WhatsApp, você concorda com os termos e política de privacidade aplicáveis.

    Newsletter


    Publicidade