Publicidade
Instituto Festival de Dança de Joinville vai ao Fórum Parlamentar
13 de Novembro de 2023

Instituto Festival de Dança de Joinville vai ao Fórum Parlamentar

Conferência ocorreu na última quarta-feira (8/11), em Brasília

Publicidade

Nesta última quarta-feira (8/11), os representantes do Instituto Festival de Dança de Joinville marcaram presença no Fórum Parlamentar Catarinense, em Brasília.

No encontro, organizações de Santa Catarina se reuniram com o objetivo de apresentar aos senadores e deputados federais suas demandas, em busca de recursos para suas iniciativas.

Publicidade

Segundo Ely Diniz, presente do Instituto Festival de Dança de Joinville, o resultado do encontro foi positivo, e a expectativa é de que bancada catarinense conceda apoio financeiro para o Festival de Dança de Joinville e o Saltare Centro de Dança. “Entendendo que o Festival, por ser nacional e abranger todo estado de Santa Catarina, e por levar uma excelente imagem do Estado para todo o país e para o exterior, acreditamos que esse apoio é importante”, ressalta Diniz. “Tivemos uma excelente acolhida e estamos aguardando que isso se concretize, para que o Festival de Dança de Joinville seja ainda mais forte”, complementa.

Sobre o Festival de Dança de Joinville

O Festival de Dança de Joinville, que completou 40 anos em 2023, é o Maior Festival de Dança do Mundo, reconhecido desde 2002 pelo Guinness World Records, e tornou Joinville um dos principais destinos turísticos e culturais de Santa Catarina em julho. É o maior intercâmbio de dança, e atrai bailarinos do Brasil e do mundo para uma verdadeira imersão que vai para além da Mostra Competitiva, com diversas opções de capacitações.

A última edição, a 40ª, realizada neste ano, mais uma vez bateu recordes. Reuniu dançarinos de 25 unidades federativas brasileiras e mais de 13 mil participantes. O Festival de Emoções atraiu participantes também de outros países. O Festival de Sapatilha contou com a participação de dançarinas do Paraguai e a Programação Didática, teve alunos do México.

O Festival é realizado em julho, mas atividades são realizadas durante o ano inteiro, levando a dança para o Brasil e o mundo através do Instituto Festival de Dança de Joinville. Um exemplo disso é o Festival de Dança de Joinville a Bordo, um cruzeiro de sete dias, com saída de Santos e Itajaí, com destino a Buenos Aires e Montevidéu, que será realizado em janeiro de 2024. Outra iniciativa é o Festival de Dança de Joinville no Beto Carrero, que permite que grupos do Brasil e do exterior se apresentem no Maior Parque Temático da América Latina, o Beto Carrero World, localizado na cidade de Penha, no Litoral Norte de Santa Catarina.

Além disso, a atuação da instituição em atividades ligadas à educação e assistência social, com destaque para gestão junto ao Programa Dança na Escola, atendendo 2.000 estudantes na rede pública de ensino de Joinville e a gestão frente ao Saltare Centro de Danças, um espaço para reunir a história do Festival, capacitar profissionais e alunos, ensaios de grupos, projetos sociais, mostras e exposições, entre outras iniciativas. Com recursos próprios e de parceiros, o antigo prédio da Escola Estadual Germano Timm, imóvel tombado e desativado há 12 anos, foi revitalizado e devolvido à sociedade catarinense.

Ely Diniz, presidente do Instituto Festival de Dança de Joinville, com a senadora Ivete Appel da Silveira e a deputada federal Caroline de Toni (Créditos: IFDJ/Divulgação)

Publicidade
WhatsApp
Junte-se a nós no WhatsApp para ficar por dentro das últimas novidades! Entre no grupo

Ao entrar neste grupo do WhatsApp, você concorda com os termos e política de privacidade aplicáveis.

    Newsletter