Corpo, mente e relacionamentos: como a saúde biopssicosocial pode ajudar a lidar com a ansiedade e imunidade no Covid-19

06 de Abril de 2020

Fusão das saúdes psíquica, biológica e social engloba o modelo biopssicossocial

 

“Mente sã, corpo são”. A famosa citação latina (Mens sana in corpore sano) provém da sátira X do poeta Romano Juvenal e reflete bem do que se trata o modelo de saúde biopsicossocial. Uma fusão das saúdes psíquica, biológica e social, esse princípio pode ser utilizado para lidar com a ansiedade e até mesmo para fortalecer o sistema imune em tempos de Covid-19, segundo o neuropsicoterapeuta Álex Cavalcante, CEO do Grupo Produza - que integra treinamentos (com os Métodos Live, business e Company, para indivíduos, com mentoria clínica,profissionais e companhias), consultoria e neuropropaganda.

 

Elaborado e defendido por Engels em 1977 a partir de uma crítica da abordagem da saúde na época, o modelo biopsicossocial abrange o que pode ser chamado de saúde integral. Segundo a teoria, a doença não deve ser vista somente como um fator isolado, e sim o resultado da interação de mecanismos celulares, residuais, organísmicos, interpessoais e ambientais - sim, até o ambiente importa! Mas, como aplicá-la diante da pandemia?

 

Saúde biopsicossocial na pandemia: alimentos alcalinos são regra

“´Proteger o sistema imunológico e a saúde mental diante da pandemia é uma tarefa desafiadora. Para se fortalecer com o modelo biopsicossocial, a regra é desfrutar dos alimentos verdes e alcalinos, como verduras e vegetais, principalmente os descascados, e evitar os embrulhados”, explica o especialista.

Afinal, um corpo bem nutrido é um corpo com o sistema imunológico fortalecido - e isso significa maior proteção em caso de doenças como o Covid-19. “Comer bem é  indispensável. Quando nos alimentamos de forma equilibrada e saudável, com ingestão calórica correta indicada por  um médico e nutricionista, rica em nutrientes, com uma alta ingestão de fibras e ajuda das oleaginosas, acabamos favorecemos a saúde e longevidade”, destaca. Segundo Cavalcante, o contrário disso, uma dieta hipercalórica, com gordura trans, excesso de açúcar e toxinas, acelera o processo oxidativo e o envelhecimento celular. 

 

Saúde mental, social e  ansiedade: como lidar durante a pandemia e isolamento social?

De acordo com o neuropsicoterapeuta, para cuidar da saúde psíquica, é importante  tirar um tempo para você e também para as suas relações sociais. “As relações humanas são ainda mais importantes nessa hora. Estar perto (ainda que virtualmente) de quem amamos, e ser generoso, ajudar o próximo, libera hormônios como ocitocina e dopamina, que causam bem-estar e felicidade”, explica Álex Cavalcante.

Em meio a incerteza do futuro pós-Covid-19, é comum sofrer com crises de ansiedade, transtornos e medos que podem gerar desconfortos na rotina. A dica do neuropsicoterapia é se aprofundar no autoconhecimento. “Procure pensar, sentir e depois fazer. Agir de forma reativa com uma raiva inconsciente aumentada pelo medo e pelo isolamento social pode causar danos terríveis aos relacionamentos familiares e sociais. Gaste energia corporal em momentos de ansiedade, assim, você libera o cérebro de uma sobrecarga de energia mental. Respire, medite e brinque. Busque pelo autoconhecimento, pois ele pode ajudar a diferenciar os medos das ansiedades”, indica.

“Tire um tempo nesse isolamento social e se conheça melhor! É recomendável encarar essa crise como uma oportunidade. Inclusive para empresários que temem a desaceleração econômica. Podemos usar isso a nosso favor, não deixando o mercado desacelerar, do que depender de nós. Integrar é não ficar parado e usar a criatividade a favor da sua marca, fazer negócios sem perder a conexão, é estarmos juntos para movimentar a economia do nosso país e do mundo”, finaliza.

Nos últimos meses, Álex Cavalcante tem realizado mentorias clínicas individuais, por videoconferência e presenciais, que apresentaram resultados visíveis com indivíduos dos mais diversos segmentos e faixas-etárias.  Desde o decreto da OMS (Organização Mundial da Saúde) sobre a pandemia do Covid-19, o neuropsicoterapeuta também gravou mais de 25 vídeos sobre temas como ansiedade, saúde psicossocial, cuidados com a saúde mental e relacionamentos relacionados ao coronavírus para ampliar a rede de apoio mundial virtualmente. Todos estão disponíveis gratuitamente em seu canal do Youtube e demais redes sociais como o TikTok.

 

Notícias Relacionadas