Zro Bank levanta fundo de R$ 25 milhões como parte da sua primeira rodada de investimentos

19 de Outubro de 2021

Aporte conta com o trabalho da gestora de recursos Multinvest Capital

Depois de 12 meses do seu lançamento oficial, o Zro Bank, primeiro banco digital do Brasil a disponibilizar contas em Real e Bitcoin, anuncia sua primeira rodada de investimentos através de fundo criado pela gestora de recursos Multinvest Capital de R$ 25 milhões.

Segundo o CEO da fintech, Edísio Pereira Neto, a captação faz parte da primeira rodada de investimentos do grupo que detém o banco digital Zro Bank e a exchange Bitblue. A rodada deverá ser complementada com valor ainda maior nos próximos dias com a entrada de um dos maiores players do mercado financeiro e o recurso será revertido no crescimento da equipe, ações de marketing e foco em novos produtos, como aumento do portfólio de moedas, conta internacional, crédito e outros investimentos.

“Neste primeiro ano de operação, pudemos ouvir nossos clientes e avaliar o modelo de negócio que construímos para levar novos produtos e serviços financeiros a um público interessado no mercado de ativos digitais. O balanço até aqui é bastante positivo e estamos muito felizes. Ainda há muito potencial para crescer. Em relação ao mercado de Criptomoedas, apesar de sua volatilidade, ele já é percebido cada vez mais pelas pessoas e empresas como uma reserva de valor relevante para suas estratégias de investimentos. Nossa meta agora é focar na escalabilidade do nosso produto, contribuindo para a educação financeira dos brasileiros”, destaca o CEO e co-fundador da startup.

Neste primeiro ano, o aplicativo superou a marca de 350 mil downloads e foram transacionados mais de R$ 2 bilhões em conversões de moedas nas plataformas. Agora, inicia um novo ciclo de expansão. “Pretendemos alcançar a marca de um milhão de downloads até o final do próximo ano e dobrar o número atual de colaboradores, que é de 70 pessoas.

Notícias Relacionadas