Big Data Espanha se torna Big Things

15 de Abril de 2019

Mudança de nome se deu devido à variedade de campos que a ruptura atende

 

Big Data A Espanha tornou-se uma das reuniões mais importantes da Europa em análise de dados, inteligência artificial, transformação digital e nuvem, organizada pela empresa espanhola Paradigma.

A próxima edição, marcada para novembro deste ano, mudou seu nome para coisas grandes, a fim de se adaptar ao crescente desenvolvimento de novas tecnologias com Big Data, Inteligência Artificial, Machine Learning, a Internet das coisas, Blockchain ou computação quântica, entre outros.

"O Big Data da Espanha foi muito mais do que o Big Data " , diz Óscar Méndez, presidente da conferência. "É por isso que achamos que seria uma boa ideia mudar o nome para refletir a variedade de tecnologias disruptivas que alguns dos maiores representantes do mundo estão falando em cada evento."

Uma conferência de prestígio

No passado, passaram pelo encontro, entre outros, Paco Nathan (Derwen, Inc), Matei Zaharia (Databricks), Holden Karau (Google), William Benton (Red Hat) e participaram empresas como Minsait, Datarobot, Stratio, IBM, Hortonwoks ou Microsoft Azure.

"A variedade de temas abordados pelos especialistas presentes nos últimos anos e a crescente demanda dos participantes para poder acessar o conhecimento mais avançado na Espanha, tanto do ponto de vista tecnológico e de negócios, nos fez evoluir o conceito para ' grandes coisas 'que são discutidas nos maiores fóruns globais de inovação "
Carmen Vidal, CEO da Paradigma.

Coisas grandes
A oitava edição do evento, para a qual são esperados mais de 100 palestrantes e mais de 1.700 participantes, será realizada nos dias 20 e 21 de novembro em Kinépolis Madrid. Para mais informações, visite o site.