ARTIGO | O ecossistema de tecnologia e inovação de Santa Catarina

09 de Janeiro de 2018

por Alexandre Souza *

Santa Catarina é o segundo estado com maior número absoluto de startups do Brasil, só ficamos atrás de São Paulo. Aqui o ecossistema é propício para o nascimento de novas startups e a migração de empresas já consolidadas. Sabe qual é o maior segredo para despontar nesse cenário? Os principais pilares de desenvolvimento de um setor de tecnologia consistente estão interligados e conectados. Os diferenciais do estado se destacam do resto do país e, somados à boa qualidade de vida e baixa violência, as terras catarinenses se tornam férteis à inovação e tecnologia.

Aqui o acesso ao capital, através de grandes fundos de investimentos e de programas do governo, é facilitado para empresas que desenvolvem tecnologias emergentes. Segundo Índice Cidades Empreendedoras (ICE), da organização global de fomento ao empreendedorismo Endeavor, Florianópolis registrou a maior proporção relativa de investimentos Venture Capital do país. A cidade dobrou o número de transações entre 2016 e 2017, representando 5% do total das operações desse porte realizadas no país. 

O apoio das iniciativas vai muito além de investimento. Uma rede de conexões promovida por programas de capacitação desenvolve um ambiente de troca de experiências onde quem já empreendeu e conquistou sucesso pode voltar e ensinar quem está começando.

Outro fator que faz o ecossistema se destacar é o capital humano. Em Florianópolis, mais de 30% da população possui ensino superior completo. Essas pessoas incentivam seus filhos a continuar investindo em educação e aprendendo. O resultado é uma cidade com mão de obra especializada de alto valor, pronta para dar sequência nesse ciclo de inovação. 

Como consequência desse ecossistema, três cidades catarinenses figuram entre as 15 mais inovadoras do país! Neste pilar do ranking ICE, Florianópolis ficou em terceiro lugar, logo em seguida Blumenau, em quarto e Joinville em 12º. E para comemorar esse avanço e reunir todo o setor pujante, faremos o primeiro evento do ecossistema de tecnologia do estado: o Startup SC Summit. Já passou da hora de nos unirmos ainda mais e reforçamos o potencial dos empreendedores locais, para que possamos avançar e inovar, com toda a força catarinense.

 

* Alexandre Souza, gestor do projeto Startup SC