Publicidade
 ARTIGO | Inovação disruptiva: como a IA está redefinindo o marketing
05 de Abril de 2024

 ARTIGO | Inovação disruptiva: como a IA está redefinindo o marketing

O timing é uma questão fundamental

Publicidade

Por Ana Paula Debiazi*

Estamos cada dia mais cercados das facilidades que a tecnologia proporciona. Portanto, no mundo dos negócios, devemos seguir em busca de atualizações para aprimorar as soluções existentes e acompanhar essa evolução, principalmente no relacionamento com o cliente, em que é necessário criar estratégias e um planejamento de marketing por trás de qualquer ato. Nesse sentido, a IA se tornou uma ferramenta indispensável para impulsionar a eficiência, a personalização e o engajamento.

Publicidade

Automatizar processos manuais e repetitivos, como tarefas de coleta de dados, classificação de leads e acompanhamento de interações, traz como resultado mais autonomia para a equipe, que pode se concentrar em atividades de maior valor, ações que giram em torno de atendimento personalizado ao cliente e análise de informações, por exemplo.

Para desafios que envolvem estratégias de marketing, o timing é uma questão fundamental. É aí que vemos a inteligência artificial fazendo a diferença nas automações, pois a agilidade que proporciona em momentos de idealização, criação e execução é muito significativa. Além de dados concretos que evitam erros humanos, a IA pode analisar o desempenho das campanhas em tempo real, ajustar automaticamente as estratégias e oferecer insights valiosos para otimizar o ROI das ações.

Outro benefício importante da união entre IA e marketing é a capacidade de avaliar informações de forma mais precisa e rápida, identificando padrões e tendências para tomadas de decisões. Com essa bagagem, podemos prever comportamentos futuros dos consumidores, permitindo até mesmo antecipar as necessidades e preferências do público. As previsões não só orientam as estratégias de marketing, como também ajudam as empresas a se prepararem para as mudanças no mercado.

Com base nos dados coletados sobre os consumidores, a tecnologia pode gerar conteúdo personalizado, desde e-mails e mensagens até recomendações de produtos. Isso aumenta o engajamento e a eficácia das campanhas, já que os clientes são mais propensos a responder conteúdos relevantes para eles.

E não podemos esquecer do feedback. O uso de ferramentas que já automatizam grandes volumes de dados pode se voltar às mídias sociais, analisando os comentários dos clientes para entender o sentimento do público em relação à marca e aos produtos. Isso permite que as empresas identifiquem problemas rapidamente e respondam de maneira adequada, além de aproveitarem os feedbacks positivos para aprimorarem estratégias criativas.

Quem não é visto, não é lembrado, certo? Ainda seguindo essa premissa, os algoritmos podem analisar o desempenho de um site nos mecanismos de busca e identificar oportunidades para melhorar a otimização para os motores de busca (SEO). Assim, qualquer companhia consegue aumentar a visibilidade on-line e atrair mais tráfego qualificado.

À medida que a tecnologia continua a evoluir, espera-se que novas aplicações e oportunidades surjam, transformando ainda mais a maneira como as organizações se envolvem com seus clientes e promovem produtos e serviços. Dessa maneira, a forma de se relacionar com os consumidores atuais e futuros é impactada. Usar ferramentas ultrapassadas, como CRMs tradicionais, estáticos, que analisam históricos e não preveem o porvir, dá espaço para a concorrência se destacar, além de aumentar os custos com captação e manutenção da carteira de clientes.

Novos CRMs já estão usando a inteligência artificial, os chamados Smart CRM, colocando uma forte ênfase na melhoria da experiência do cliente por meio da análise de dados e da personalização. A ferramenta visa oferecer interações mais relevantes, eficientes e satisfatórias, além de fornecer insights acionáveis para as equipes de vendas e marketing.

*Ana Paula Debiazi é CEO da Leonora Ventures e Fernando Osmarine é CEO da Leadfinder.

Foto: Freepik

Publicidade
Publicidade