Nova campanha da FCB Health Network reforça a importância da igualdade racial em ensaios clínicos

05 de Fevereiro de 2021

“The Trial for #ClinicalEquality” marca o Dia Mundial do Câncer

Marcando o Dia Mundial do Câncer, que aconteceu na última quinta-feira (4), a FCB Health Network apresentou a campanha “The Trial for #ClinicalEquality”. A iniciativa busca trazer à tona a discussão de "Por que os ensaios clínicos de oncologia discriminam pessoas negras se o câncer mata indiscriminadamente?", para promover a igualdade racial em ensaios clínicos.

Isso porque, segundo a Sociedade Nacional do Câncer, os afro-americanos têm a maior taxa de mortalidade e o menor índice de sobrevivência entre todos os grupos étnico-raciais, e ainda estão sub-representados em ensaios clínicos. Eles representam 13% da população americana, mas apenas 3% participam de ensaios oncológicos. Da mesma forma, os hispânicos formam 19% da população dos EUA, e apenas 6% estão representados nos ensaios clínicos. Esses ensaios são fundamentais para descobrir novas formas de se detectar, diagnosticar e tratar doenças, bem como reduzir sua incidência.

“A representação abaixo do nível ideal de negros e hispânicos em ensaios oncológicos é um problema de longa data. Esperamos direcionar a atenção em justiça social, que voltou à tona em 2020, para aumentar a conscientização sobre questões que contribuem com essas disparidades. Entre elas está a falta de acesso aos ensaios clínicos, bem como critérios e políticas de recrutamento restritivos para inclusão em testes, um viés implícito, e a pouca confiança dos pacientes no sistema de saúde", afirma o diretor médico da FCB Health Network, Dr. Sommer Bazuro, PhD.

Com peças em plataformas impressas e digitais, a campanha traz mensagens como “Put my cancer on trial” (“Coloque meu câncer em teste”) e “Let the data tell the whole truth” (“Deixe os dados dizerem toda a verdade”), com elementos criativos que brincam com a definição da palavra “trial”, que significa “teste” e “ensaio”, mas também "julgamento".

A ação ainda conta com a petição “The Trial for #ClinicalEquality” disponível no site, com o objetivo de criar parcerias com instituições e grupos de defesa para espalhar a mensagem de igualdade nos ensaios clínicos e racial, dando acesso a cuidados de qualidade com a saúde para todos.

“A FCB Health Network está comprometida com o tratamento igualitário para todos e, através do trabalho com nossos clientes, buscamos desenvolver mensagens que mudem os comportamentos. Nossas agências se uniram a fim de canalizar todo o poder da sua criatividade e inspirar a mudança, e agora estamos chamando instituições e grupos de interesse a ficarem ao nosso lado”, afirma a CEO e Presidente da FCB Health Network, Dana Maiman.

Notícias Relacionadas