Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso ancoram ações para o lançamento de Kaiak Oceano Feminino

02 de Março de 2021

Giovanna Ewbank, Bruno Gagliasso e Maria Bopp, além da atriz Lucy Ramos e o surfista Ítalo Ferreira, fazem parte da campanha assinada pela agência DPZ&T

Como parte da campanha de lançamento do Kaiak Oceano Feminino, a Natura apresenta ao público novos desdobramentos nas redes sociais para falar sobre a nova fragrância da Casa de Perfumaria do Brasil. A ação de comunicação é assinada pela agência DPZ&T.

Depois de promover em setembro do ano passado um "takeover", em que Giovanna Ewbank, Bruno Gagliasso, o surfista Ítalo Ferreira, e os influenciadores Isabella Santoni, Federico Devito, Raul Aragão, Hugo Bonemer e Érica Prado deram voz ao oceano no Instagram, trazendo mensagens de urgência para combater os 80% do plástico produzido no mundo que está nos mares, a Natura convida também a atriz Lucy Ramos e a atriz e roteirista Maria Bopp (a Blogueirinha do Fim do Mundo) para destacar a importância de preservar o oceano.

A atriz Lucy Ramos apresenta as duas versões da nova fragrância (feminina e masculina) em um texto que destaca as iniciativas da Natura para ajudar a diminuir a poluição dos mares.

 

Com seu jeito totalmente irônico, a Blogueirinha do Fim do Mundo mostra em um vídeo no formato "recebidos", as características principais da embalagem da nova fragrância, e aborda fatos sobre a poluição dos mares e os impactos causados na natureza. Confira aqui.

 

Já o casal Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso levanta a bandeira através de um vídeo educativo, respondendo uma série de perguntas sobre o tema, informando seus seguidores sobre as problemáticas que envolvem a falta de reciclagem do lixo, além de ajudar os usuários a entenderem o que podem fazer para contribuir com a causa.

 

Assim como Kaiak Oceano Masculino, Kaiak Oceano Feminino conta com até 50% da sua maior peça plástica, os chamados “ombros”, feita de plástico reciclado, e os frascos - como de todas as fragrâncias do portfólio de Kaiak -, são feitos com até 30% de vidro reciclado. Além disso, o filme plástico que envolve os cartuchos da nova fragrância foi eliminado para reduzir ainda mais o uso do material. Agora, a caixa do produto é mais resistente e o lacre é feito com cola.

Essa iniciativa prevê utilizar, em um ano, cerca de sete toneladas de plástico reciclado - o que equivale a 3,4 milhões de tampas de garrafas de água.

Notícias Relacionadas