MSC Cruzeiros dá sequência à campanha que explora os diferenciais da empresa

31 de Julho de 2019

Filme destaca as opções de entretenimento a bordo dos navios

A MSC Cruzeiros, empresa privada de cruzeiros, lança sua campanha de comunicação de 2019 no Brasil, que inclui como um dos diversos canais a TV, com o filme "Piano", pertencente à última fase da sua campanha "MSC Cruzeiros. Não é qualquer cruzeiro". O novo filme, tem como foco o entretenimento dos seus navios, explorando os principais diferenciais da empresa e a experiência que os hóspedes têm a bordo em seus luxuosos e modernos transatlânticos.

No ar até dezembro deste ano, a campanha terá exibição multiplataforma, estando presente em diversos canais de mídia. TV aberta e paga, mídia impressa, rádio, painéis eletrônicos, displays em aeroportos, ativação em pontos de venda e ainda um plano digital, abrangendo diferentes portais, sites e redes sociais, tudo isso para expandir ainda mais a presença da marca entre os brasileiros e promover os cruzeiros da próxima temporada brasileira que tem início em novembro de 2019 e duração até abril de 2020.

Além das diversas opções de roteiros e destinos para serem visitados com os cruzeiros da MSC, os viajantes têm a bordo uma enorme variedade de opções entretenimento para todas as idades. O filme e as peças da campanha evidenciam alguma delas, como os espetáculos ao estilo Broadway, as piscinas e hidromassagens para relaxar e se divertir, além da ampla área de lazer nos decks onde os hóspedes podem curtir o sol e apreciar o oceanos. O filme também apresenta a alta gastronomia a bordo, ressaltando os pratos criados por chefs, além de toda a infraestrutura, serviço e atenção que a MSC tem para oferecer.

O filme é o terceiro da campanha "MSC Cruzeiros. Não é qualquer cruzeiro", lançada em 2016. Com direção pelo cineasta britânico Daniel Barber, indicado ao Oscar, a peça traz como trilha sonora uma composição feita de forma exclusiva pelo músico italiano Ennio Morricone, com quem a empresa tem uma relação desde 2007, quando o compositor regeu o concerto da cerimônia de batismo do MSC Orchestra.

Confira:

 

Notícias Relacionadas