Morreu Enio Mainardi

08 de Agosto de 2020

Publicitário estava internado em São Paulo com Covid-19

 

O publicitário Enio Mainardi, fundador da PROEME, uma das agências de propaganda mais criativas que o Brasil conheceu, morreu hoje, 8 de agosto, aos 85 anos, devido a complicações da Covid-19.

Diogo Mainardi, sócio do portal O Antagonista, filho de Ênio, escreveu esta mensagem para noticiar o falecimento de seu pai: "Enio Mainardi, meu pai, morreu neste sábado. Ele estava internado com Covid-19. Nosso último encontro foi em 26 de abril de 2019. Viajei a São Paulo com meu filho mais velho e deixei-o na casa de meu pai. Eles gravaram um vídeo juntos. É assim que vou recordá-lo — com esse amor exuberante".

Enio, escritor e publicitário, teve uma passagem brilhante na DPZ. Dentre suas grandes criações, uma ficou famosa: biscoitos Tostines:  “Vende mais porque é fresquinho. Está sempre fresquinho porque vende mais”. Enio comentava que a ideia surgira durante uma visita sua à fábrica acompanhado pelo fundador da Tostines. Enio teria perguntado por que Tostines vende tanto? A resposta foi essa: porque está sempre fresquinho. Se está sempre fresquinho é porque vende muito.

Notícias Relacionadas