Gerber seleciona pela primeira vez um bebê com Síndrome de Down como porta-voz de sua marca

16 de Fevereiro de 2018

Lucas Warren tem 1 ano e meio e será o porta-voz da Gerber em 2018

Lucas Warren tem 1 ano e meio e será o porta-voz da Gerber em 2018

O logotipo do bebê Gerber começou em 1928, quando a empresa convidou as pessoas a enviar retratos de rosto de seus bebês. O desenho vencedor, enviado por Dorothy Hope Smith, ainda é o logotipo da empresa hoje. Tornou-se sinônimo da marca. A competição Gerber "spokesbaby" é algo moderno, que começou em 2010. As pessoas enviam fotos de seus filhos e uma é escolhida para representar a marca naquele ano. O "porta-voz" não substitui o ícone do bebê Gerber original, o retrato é apenas usado para comercializar e representar a marca.

Este ano, um bebê de 1 ano e meio de idade, com Síndrome de Down, foi nomeado como "porta-voz" 2018 da marca de alimentos para bebês. Ele se chama "Lucas Warren", vive no estado americano da Geórgia, e é o primeiro "bebê Gerber" com Síndrome de Down da história a representar a marca.

A Gerber fez uma seleção com mais de 140 mil inscritos para ajudar a melhorar a aceitação das pessoas com deficiência social.

O pai de Lucas, Jason, disse ao programa Today do canal americano NBC, que ele esperava que a vitória de Lucas pudesse "ajudar mais pessoas com necessidades especiais a serem aceitas e não limitadas".

O anúncio teve uma reação positiva nas redes sociais, incluindo grupos de defesa e parentes de pessoas com síndrome de Down.