Campanha com Fernanda Montenegro homenageia escola e educadores

21 de Agosto de 2020

Ação destaca o protagonismo da escola na vida das pessoas

Fernanda Montenegro dá voz aos sentimentos das escolas em campanha do programa socioemocional LIV - Laboratório Inteligência de Vida. intitulado “Escola que sente”, o filme se apresenta como uma homenagem, em forma de poesia, a todas as escolas e educadores do Brasil.

 O LIV está presente em mais de 350 escolas pelo Brasil, desenvolvendo o pilar socioemocional e criando espaços de fala e de escuta para ampliar a compreensão que os alunos têm de si, do outro e do mundo. O vídeo personifica a instituição e reflete sobre seus sentimentos e sobre como as pessoas e relações a formam. A ação mostra como a escola é (ou deveria ser) presente na vida de todos e, mais do que nunca, e como a sociedade se organiza a partir dela.

A narração do vídeo traz a experiência de uma escola viva, que fala do que sente e reconhece a importância das pessoas. Uma escola que se identifica tanto com a “gritaria e movimento” como, também, com o “silêncio e concentração”. Na busca de uma voz que pudesse trazer a importância, a leveza e a seriedade necessárias para o tema, o LIV encontrou uma parceria em Fernanda Montenegro, atriz brasileira indicada ao Oscar e ganhadora do Emmy. 

As cenas ilustram a instituição vazia e a presença isolada de algumas pessoas, representando os alunos, professores e funcionários que costumam ocupar esse espaço. A gravação das imagens ocorreu respeitando todas as indicações dos órgãos de saúde e o áudio foi enviado por Fernanda Montenegro da sua casa.

Veja:

 

O LIV é o um programa de aprendizado socioemocional que engloba todos os anos da educação formal, desde a educação infantil até o ensino médio, atuando hoje com mais de 200 mil alunos em escolas parceiras. O programa ocorre como um tempo de aula na grade curricular e busca se expandir na escola como um pilar socioemocional. Foi pioneiro na criação de um material virtual para lidar com questões que surgiram durante a pandemia, o LIV em Casa, permanecendo, assim, junto à comunidade escolar mesmo durante o isolamento social. Independente de quando o retorno físico às escolas possa acontecer, é importante que todo o processo que estamos vivendo na comunidade escolar seja sustentado no cuidado socioemocional para todos que a compõe.

 

 

Notícias Relacionadas