Bolsonaro volta a se manifestar sobre a Bonificação por Volume

05 de Setembro de 2019

Em entrevista à Folha de S. Paulo, presidente afirma que irá editar uma Medida Provisória para mudar as regras da BV

Não é de hoje a polêmica que envolve o presidente, Jair Bolsonaro (PSL), e as regras referente a Bonificação por Volume (BV). Desde que assumiu o cargo mais importante do Brasil, o político critica a prática realizada pelo mercado publicitário há mais de 50 anos.

Essa semana a "novela", ganhou mais um capítulo com uma entrevista de Jair à Folha de S. Paulo, em que o presidente afirmou que irá editar uma medida provisória (MP) para mudar as regras da BV.

“Pelo menos por cinco meses por ano teremos democracia na distribuição de verbas publicitárias no Brasil”, diz o político. Ao jornal, ele ameaçou reeditar a MP a cada ano de seu governo. Ainda segundo o presidente, o alvo da medida é o Grupo Globo. A Folha também lembra que na verdade o prazo de validade de uma MP é de 120 dias se não for votada pelo Congresso.

A Associação Brasileira das Agências de Publicidade (Abap), que representa 160 das maiores agências em todo o Brasil, em nota ao portal Propmark, disse que tem mantido diálogo constante com a Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência da República (Secom), esclarecendo e informando o governo sobre o atual modelo de remuneração e como funcionam as técnicas de compra de mídia no mercado brasileiro de publicidade.

“A Abap irá se manifestar sobre o tema assim que tiver acesso a maiores detalhes sobre a Medida Provisória (MP)”, finaliza a nota da entidade.

Notícias Relacionadas