Vice-presidente da Sephora compartilha estratégia da marca em evento do LIDE SC

15 de Agosto de 2018

A executiva contou que decidiu investir em criatividade e na observação de hábitos do público para que a marca crescesse no Brasil mesmo com a recessão econômica

Flávia Bittencourt, VP da Sephora. (Foto: José Somensi)

A vice-presidente da Sephora na América Latina, Flávia Bittencourt, conversou com filiados e convidados do LIDE Santa Catarina em dois eventos nesta terça-feira (14) em Florianópolis, dividindo com os empresários um olhar diferenciado do mercado brasileiro.

Com 2.535 lojas divididas em 34 países a Sephora faz parte da maior rede de varejo de beleza do mundo. Desde 2013 na empresa Flávia decidiu investir em criatividade e na observação de hábitos do público para que a marca crescesse no Brasil mesmo com a recessão econômica. “O mercado de beleza de prestígio representa apenas 6% versus 30% do resto do mundo. Nosso desafio é fazer esse mercado crescer”, afirmou a vice-presidente.

O resultado disso foi uma série de mudanças focadas nas compras, on e off-line, melhoramento de portfólio e experiência dos visitantes. Três grandes mudanças foram implementadas desde a chegada de Flávia na Sephora. A primeira delas foi a venda de produtos da MAC nas lojas físicas, uma exigência recorrente dos brasileiros. A segunda, uma das mais importantes recentemente, foi a implantação de pop up store, os quiosques em grandes centros comerciais. Essa medida fez com que o retorno dos clientes aumentasse, pois eles se sentiam mais confortáveis a terem o primeiro contato com a marca. A terceira grande transformação foi o inicio da comercialização da categoria Hair, com linhas específicas para tratamento de cabelos.

Outro investimento realizado pela Sephora é o treinamento constante dos vendedores, com valorização em planos de carreira que aperfeiçoam o atendimento, criando para os visitantes das lojas um ambiente propício para conhecer e experimentar os produtos, além de realizar serviços de beleza. “Atualmente 60% dos nossos clientes vão às nossas lojas pelo menos uma vez no mês, eles não vão porque precisam de uma maquiagem, mas porque é divertido, é um momento agradável”, destacou Flávia.

Os movimentos realizados pela marca para atrair os clientes gerou resultado. Em uma pesquisa realizada com os consumidores os índices de satisfação com a Sephora passaram de 34% em 2013 para 68% no último ano, o maior percentual registrado no mundo.

O presidente do LIDE Santa Catarina, Wilfredo Gomes, reforçou a relevância dessa troca de experiência proporcionada pelo grupo de líderes empresariais. “Há cinco anos temos essa missão de promover networking, de criar uma rede de inteligência com intercâmbio de contatos e conhecimento. A participação de grandes executivos, como o caso da Flávia Bittencourt apenas reitera nosso papel”, afirmou.