Investimento em performance evita perda de recursos com mídia durante a Black Friday

23 de Novembro de 2020

O valor do custo por mil impressões (CPM) pode ficar até 97% mais caro durante o período

Foto de Adeolu Eletu no Unsplash

Com um ano conturbado por conta da pandemia, saber utilizar os recursos de forma assertiva se tornou mais um desafio para marcas e empresas. De acordo com pesquisas realizadas recentemente, o distanciamento social trouxe novos hábitos de consumo aos brasileiros, e revelou que 80% dos consumidores continuarão comprando de forma online neste final de ano. 

Segundo estudos da Keep.i realizados ano passado, durante a Black Friday o custo por mil impressões (CPM) de mídia em anúncios de Marketing Digital, que podem envolver várias ferramentas e redes sociais, ficou até 97% mais caro no dia. Segundo Daniel Kaminitz, VP da Weach, a melhor forma de evitar perdas desnecessárias e otimizar o budget é focar a estratégia e o planejamento na gestão de performance. 

A Kantar realizou uma análise por meio do NeedScope em que é possível entender e traçar perfis de compradores nesse período. Para eles, pode-se perceber que o consumidor busca canais, promoções e mensagens que melhor se conectam à necessidade emocional dele no momento presente.

Daniel, que também atua como professor de mídia programática, reforça ainda que algumas perdas de recursos em mídia podem ser evitadas e cita três dicas: 

  1. Reutilize seus dados proprietários para rentabilizar ao máximo a sua entrega e não entrar numa batalha de share of voice com grandes impérios de mídia. Use sua base, use os seus compradores de edições passadas;
  2. Teremos novos e-consumidores durante a Black Friday desse ano mais do que qualquer outra por conta da pandemia, então é fundamental termos uma conversa prévia com esses novos e-consumidores, o storytelling passa a ser fundamental. Não é do nada que começamos a falar com eles.
  3. Como as mídias irão inflacionar no período específico de Black Friday, o ideal é buscar soluções para que as marcas consigam operar mídia de final de funil de vendas durante o período já com preços fechados. Dessa forma, podemos já triar as melhores estratégias e direcionar com mais assertividade.

Crédito para marketing também vale

Se mesmo com todas as dicas a conta ainda não fechar, o jeito é solicitar crédito para investir em campanhas na internet e se destacar durante a Black Friday. Segundo pesquisa feita pela FeComércio em agosto, 42% dos empreendedores brasileiros buscaram acesso a crédito entre junho e agosto, e as fintechs são ótimas oportunidades para não comprometer o faturamento da empresa e conseguir ótimas quantias para investimento. 

A a55 – startup que viabiliza crédito para receita recorrente – está com uma novidade: uma nova linha de crédito para marketing digital, o Adfinance. O objetivo do produto é impulsionar o crescimento das campanhas conectando as contas da empresa do Google Ads, Facebook Ads e Google Analytics sem onerar a operação das empresas, liberando o fluxo de caixa para outras necessidades.

Notícias Relacionadas