Conteúdo gerado por usuários e influenciadores é tendência no marketing digital para 2021

13 de Janeiro de 2021

Formato de criação tem maior aceitação do consumidor em comparação com conteúdos produzidos por grandes marcas

Imagem de Photo Mix por Pixabay

 

Com a pandemia e suas restrições impostas no cotidiano das pessoas no ano passado, muitas marcas se viram reproduzindo conteúdos já criados e os redirecionando para seus públicos. De acordo com a eMarketer - empresa estadunidense de pesquisa de mercado que fornece informações relacionadas ao marketing digital, mídia e comércio -, essa tendência está ajudando usuários e influenciadores a criarem mais conteúdos originais na rede, já que têm uma maior aceitação do consumidor em comparação com grandes marcas (leia o artigo completo aqui).

Uma ferramenta que contribui para o crescimento desse formato de criação de conteúdo são os serviços baseados em IA, que auxiliam na criação de anúncios de uma maneira sem atrito, e no direcionamento para o público certo - que queira consumir marcas que retratam pessoas como eles em seus anúncios.

Esse contexto levanta o seguinte questionamento: por que as marcas gastariam mais tempo e dinheiro em produções em grande escala quando existe essa opção, especialmente em um mundo onde o conteúdo deve ser criado e alterado rapidamente? O conteúdo gerado por influenciadores e usuários é barato, fácil e rápido de criar - e os consumidores (até agora) têm sido receptivos a ele.

Diante disso, a tendência é aumentar a pressão sobre os profissionais de marketing para melhorar a medição do impacto do influenciador, podendo convencer mais marcas a adotar microinfluenciadores, que geralmente geram um melhor ROI do que macroinfluenciadores, cujo público é mais difuso.

 

Fonte: eMarketer

Notícias Relacionadas