Apple declara que vai baixar preços de iPhone em alguns países

31 de Janeiro de 2019

Após queda da sua receita no último trimestre, empresa "percebeu" que os preços do aparelho em alguns países é abusivo

A Apple anuncia que vai baixar preços de iPhone fora dos Estados Unidos. O motivo é justificado pela queda da sua receita no último trimestre.

Em entrevista à Reuters, o CEO da Apple, Tim Cook, declarou que a empresa reduzirá os preços do iPhone nos mercados em que as moedas locais se enfraqueceram em relação ao dólar. “Como chegamos em janeiro e avaliamos a condição macroeconômica em alguns desses mercados, decidimos voltar a algo proporcional ao que os nossos preços locais eram há um ano na esperança de ajudar as vendas nessas regiões”, afirma Cook.

Além do Brasil, outros países sofrem desses preços abusivos. O iPhone XS, por exemplo, é comercializado por US$ 1.760,00 no Reino Unido, um total de US$ 413,00 mais caro que nos EUA. 

Até o momento, a empresa não informou quais países terão a redução dos valores do aparelho. Contudo, estaremos atentos, especialmente para ver como funcionará essa nova política com os próximos lançamentos da Apple em setembro.