Projeto Cinesolar leva cinema a aldeias indígenas de Santa Catarina

22 de Setembro de 2016

Nos dias 22 e 24 de setembro, o Cinesolar, inovadora iniciativa brasileira de cinema itinerante que exibe filmes a partir da energia solar, levará a magia do cinema a duas aldeias indígenas de Santa Catarina. Na quinta-feira, o projeto visita a aldeia YYNN Moroti Wherá (M’Biguaçu) e no sábado a programação acontece na aldeia guarani Itaty. Além das sessões nas aldeias, no dia 23 de setembro o Cinesolar participa do X Fórum Mundial da Paz, no Centro de Eventos Governador Luiz Henrique da Silveira, em Canasvieiras, Florianópolis.

O projeto utiliza energia limpa e renovável para exibições de filmes, unindo arte, cinema e sustentabilidade. Tudo funciona a partir de uma van equipada com placas solares que possibilitam, através de um sistema conversor de energia solar para elétrica, a exibição de filmes e apresentações artísticas. No interior do veículo, há 200 assentos para o público, telão com metragem de 200 polegadas, sistema de projeção e som e até um estúdio de gravação. O projeto é realizado pela Brazucah Produções, através da Lei de Incentivo à Cultura e tem o patrocínio do Google.

Desde o início das atividades, o Cinesolar realizou cerca de 230 sessões em centenas de cidades do País, ultrapassando 45 mil espectadores. A economia de energia elétrica chega a 500 mil watts, equivalente a cerca de 900 horas de uma geladeira ligada sem interrupções.  Além de realizar sessões sustentáveis, as temáticas dos filmes trazem a sustentabilidade e a questão à tona. O Cinesolar é a primeira iniciativa de cinema itinerante que funciona através de energia renovável, aliando a difusão cultural e meio ambiente. O projeto conta com o apoio do Solar World Cinema e da fundação Holandesa Doen, promotora da sustentabilidade, cultura e inovação social.

“O Brasil tem um incrível potencial em energias renováveis. E por que não se beneficiar no campo do entretenimento, das artes e da cultura? Nosso objetivo é, além de democratizar o acesso à produção audiovisual nacional, trabalhar com ações sustentáveis que multipliquem a conscientização ambiental e mostrem a força que a energia solar tem por aqui”, disse Cynthia Alario, idealizadora e coordenadora do projeto.

Os filmes exibidos sempre trabalham questões ligadas à sustentabilidade com foco em três eixos: social, econômico e ambiental. Além das sessões e das oficinas de cinema, muitas vezes a iniciativa ainda promove música orgânica e ecografite para crianças e adolescentes. Essas atividades propõem a reciclagem de materiais para a confecção de instrumentos musicais e o preparo de pigmentos naturais, como argila e urucum, nas pinturas produzidas pelos participantes.
 
 
VEJA A PROGRAMAÇÃO DO CINESOLAR CAMINHOS DO BRASIL – ALDEIAS INDÍGENAS

Dia 22
Aldeia Indígena Yynn Moroti Wherá (M’Biguaçu).
No km 190 da rodovia BR 101, em Biguaçu, Santa Catarina.
Entrada gratuita.
Programação:
18h às 19h – Curtas metragens com temática da sustentabilidade, voltados principalmente ao público infantil.
19h - filmes produzidos por cineastas indígenas (Classificação: Livre).
 
Dia 24
Na aldeia guarani Itaty
No km 235 da BR 101, no Morro dos Cavalos, em Palhoça.
Entrada gratuita.
Programação:
14h às 17h– Oficina de Cinema
18h às 19h – Curtas metragens com temática da sustentabilidade, voltados principalmente ao público infantil.
19h - filmes produzidos por cineastas indígenas (Classificação: Livre).
* Nos dois dias de eventos nas aldeias indígenas acontece o Eco Estúdio Solar - exposição tecnológica sustentável, com apresentação da van Cinesolar e do projeto como um todo. Dentro da van, infográficos e monitores mostram como funciona o carro e são passadas informações sobre os princípios básicos da energia solar (por exemplo: como a energia solar se transforma em energia elétrica). Além disso, são mostrados produtos de sustentabilidade e tecnologias renováveis, com aplicações práticas no dia-a-dia, como um instigante Relógio de Batatas.
 
VEJA A PROGRAMAÇÃO DO CINESOLAR CAMINHOS DO BRASIL NO X FÓRUM MUNDIAL DA PAZ
Dia 23
Cinesolar no X Fórum Mundial da Paz
No Centro de Eventos Governador Luiz Henrique da Silveira, na rodovia José Carlos Daux, em Canasvieiras, Florianópolis.
Programação:
14h às 17h– Oficinema Solar (oficinas de Cinema).
18h -  Curtas-Metragens com temática da sustentabilidade, voltados ao público infantil.
A partir das 19h – Longa-Metragem: “Hermogenes, professor e poeta do yoga”.
A Sicence of Eternal Happiness: Akram Vignan”,
“Palavras de Paz”,
“Rio São Francisco, 6”
Filmes Guaranis (a serem definidos).
* Durante o evento acontece a apresentação do Eco Estúdio Solar - exposição tecnológica sustentável, com apresentação da van Cinesolar e do projeto como um todo. Dentro da van, infográficos e monitores mostram como funciona o carro e são passadas informações sobre os princípios básicos da energia solar (por exemplo: como a energia solar se transforma em energia elétrica). Além disso, são mostrados produtos de sustentabilidade e tecnologias renováveis, com aplicações práticas no dia-a-dia, como um instigante Relógio de Batatas.

Notícias Relacionadas